JPMotos
Cantor: Caetano elogia pagodão e fala sobre Gil: ´fiquei muito preocupado
19 de janeiro de 2017 às 13:09

20170119083134_9891_capa

Caetano Veloso é só elogios ao pagodão. O cantor e compositor não apenas destacou o gênero entre todos os que são feitos na Bahia como listou os artistas que mais admira no axé hoje: o “magnífico Harmonia do Samba”, além de Fantasmão, Parangolé, Psirico, Canário.

Em entrevista concedida ao Correio da Bahia, o artista ainda contesta um “fácil diagnóstico de decadência” do gênero, no documentário “Axé – Canto do Povo de um Lugar”, de Chico Kertész. Segundo Caetano, a crítica do compositor Letieres Leite desconsidera “o que há de importante no mundo da chula eletrificada”, denuncia. “Ainda bem que Ivete desqualifica as queixas e tem a lucidez de reconhecer que algo que chegou onde o axé chegou não morre mais”, completa.

A conversa segue ainda por Gilberto Gil, a quem Caetano chama de “gênio da grandeza musical que tomou conta do Brasil no final dos anos 1950 e que veio para tão perto de mim! Sem ele, eu não estaria fazendo música”. Sobre a doença do cantor e compositor, o irmão de Maria Bethânia admitiu ter ficado muito preocupado.

“Mas depois que estive com ele e com alguns dos médicos que o acompanham, me tranquilizei mais. Quando ele teve de suspender o show de nossa volta ao Rio, depois de todas as viagens e descansos, voltei a ficar apreensivo. Fui à casa dele e de novo me tranquilizei”.

Caetano Veloso ainda elogiou a capacidade de compor de Gil. “Agora ouvi de Bem que ele está compondo bastante e já tem um bom número de novas canções. Eu, que não tenho composto nada há bastante tempo (desde 2015), fiquei maravilhado com a notícia”.

O músico de 74 anos está na Bahia desde o início do ano, inclusive recebendo amigos, como o cineasta espanhol Pedro Almodóvar. Além de descansar, Caetano fará dois shows na capital nesta sexta-feira (20) e no sábado (21). Caetano subirá ao palco da Concha Acústica do Teatro Castro Alves ao lado da carioca Teresa Cristina. Sobre a parceira do espetáculo “Caetano Apresenta Teresa”, afirmou: “começamos a ter muito mais tempo para conversar sobre música e tudo o mais. Teresa é uma grande pessoa”.

Notícias ao Minuto

163 total views, 1 views today

ComentáriosComentários