JPMotos
Mudanças climáticas podem deixar Terra igual a Vênus, alerta Stephen Hawking
4 de julho de 2017 às 06:36

O renomado físico britânico Stephen Hawking fez duras críticas ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e repetiu alertas a respeito dos perigos das mudanças climáticas.

“Ao negar a existência do aquecimento global e abandonar o Acordo Climático de Paris, Donald Trump vai causar um dano inevitável ao nosso lindo planeta, ameaçando a natureza, para nós e para nossas crianças”, afirmou.

“As ações de Trump podem levar a Terra à beira do abismo e transformá-la em Vênus, com uma temperatura de 250ºC e chuva de ácido sulfúrico”, disse ele à BBC em Cambridge, após participar de um evento de comemoração ao seu aniversário de 75 anos.

Vênus, o segundo planeta do Sistema Solar a partir do Sol, é uma terra de extremos: quente, seco, de atmosfera composta basicamente de dióxido de carbono e superfície coberta por nuvens de ácido sulfúrico. O temor de Hawking é de que nossas circunstâncias na Terra fiquem cada vez mais parecidas a essas condições inóspitas.

“Estamos em um ponto crítico no qual o aquecimento global vai se tornar irreversível”, alertou o cientista. Segundo Hawking, essa é “uma das maiores ameaças que enfrentamos e que podemos prevenir se agirmos agora”.

Questionado sobre qual seria seu sonho atualmente, Hawking afirmou: “a cura para a Esclerose Lateral Amiotrófica – ou, pelo menos, uma interrupção em seu avanço”.

“Quando fui diagnosticado aos 21 anos, me disseram que eu morreria (da doença) em dois ou três anos”, disse. “Agora, 54 anos depois, embora fraco e em uma cadeira de rodas, estou trabalhando e produzindo artigos científicos.”

Segundo Hawking, “tem sido um grande desafio, que eu só consegui superar com muita ajuda da minha família, colegas e amigos”.

Fonte: BBC Brasil

172 total views, 2 views today

ComentáriosComentários