JPMotos
PIS/Pasep: 4,2 milhões perderam o prazo para sacar R$ 6 bilhões
3 de outubro de 2018 às 09:23
36
Visualizações

O prazo para menores de 60 anos sacarem as cotas do PIS/Pasep acabou na última sexta-feira, 28. Cerca de 4,2 milhões de pessoas, segundo levantamento da Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, perderam a oportunidade. Elas tinham direito a resgatar cerca de 6 bilhões de reais em cotas do PIS/Pasep.

Agora, essas cotas só podem ser sacadas dentro de condições específicas, como ao atingir 60 anos, aposentadoria, morte e doenças graves.

Do total que não foi sacado a tempo, 5,4 bilhões de reais são de 3,8 milhões de cotistas com saldo de PIS na Caixa. Outros 596,6 milhões de reais estavam disponíveis para 438.127 cotistas do Pasep.

O pagamento da cota do PIS/Pasep é devido a trabalhadores que atuaram formalmente na iniciativa privada ou no serviço público entre 1971 e 1988. Neste período, os empregadores recolhiam recursos do PIS/Pasep em nome de seus funcionários, como ocorre atualmente com o FGTS. O depósito deixou de ser feito a partir da Constituição de 1988, mas o dinheiro ficou depositado nos bancos em nome dos trabalhadores, que podiam retirar apenas os rendimentos uma vez por ano.O saque só era possível a partir de 70 anos ou em outras situações, como doenças graves e aposentadoria. Neste ano, o governo reduziu a idade para 60 anos.

Fonte: Veja

ComentáriosComentários