JPMotos
2 x 3 : Palmeiras se supera fora de casa, bate o Peñarol de virada e jogo termina em pancadaria
27 de abril de 2017 às 06:44

O Palmeiras foi do inferno ao céu nesta quarta-feira. Após um primeiro tempo muito abaixo das expectativas e uma derrota parcial de 2 a 0, o Verdão voltou com outro espírito para a etapa final e, comandando por Willian (autor de dois gols) e Jean (que participou dos três), conquistou uma importante virada por 3 a 2 sobre o Peñarol, no estádio Campeón Del Siglo, em Montevidéu. Assim, o time brasileiro está a um empate da vaga nas oitavas de final da Taça Libertadores da América.
Após o apito final, uma confusão generalizada tomou conta do campo e, depois, da arquibancada. Jogadores trocaram agressões no gramado e alguns palmeirenses foram cercados. Na torcida, os uruguaios tentaram invadir a área destinada os brasileiros e jogaram objetos

PANCADARIA

Depois do apito final, os jogadores do Peñarol entraram em conflito com alguns atletas do Palmeiras. Houve muita confusão, e os palmeirenses tiveram muita dificuldade em deixar o gramado rumo ao vestiário

COMO FICA?

Com a vitória, o Verdão mantém a liderança do Grupo 5, com 10 pontos, quatro a mais do que o Jorge Wilstermann, o segundo colocado. O Atlético Tucumán, com quatro, é o terceiro, e o Peñarol, com três, é o lanterna. Restam apenas duas rodadas (seis pontos) para o fim da fase de grupos. Veja aqui a tabela.

90 MINUTOS

O Palmeiras jogou muito mal no primeiro tempo. Desorganizado e sem criatividade, o time brasileiro foi presa fácil para o Peñarol. Mesmo com a defesa do Verdão congestionada. Aos 12 minutos, após cruzamento da direita, Affonso abriu o placar – o jogador, porém, fez falta em Mina antes de concluir. E, aos 38, Junior Arias ampliou também depois de jogada pelo lado direito: 2 a 0.

 

Com Tchê Tchê no lugar de Egídio, e Willian na vaga de Vitor Hugo, o Palmeiras voltou bem diferente na etapa final. E foram precisos apenas três minutos para o Verdão provar isso. Willian fez um golaço e deu outra cara para o jogo. O empate são não saiu aos 12 porque Róger Guedes perdeu chance incrível. Mas saiu aos 17, com Mina. O zagueiro ajudou a desarmar e correu para área cabecear o lançamento de Jean.

 

O Palmeiras cresceu tanto no segundo tempo que a virada parecia questão de tempo. E era. Aos 27, Guerra chutou de longe, o goleiro Guruceaga deu rebote, Jean cruzou, e Willian fez o terceiro.

 

197 total views, 1 views today

ComentáriosComentários