JPMotos
Atlético-MG e Flamengo empatam em jogo de quatro gols no Mineirão
31 de outubro de 2016 às 09:46

a2

Era o encontro entre o vice e o terceiro na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. E era também o reencontro de Diego e Robinho. No fim, tudo igual.

Com dois gols depois dos 40 minutos do segundo tempo, Atlético-MG e Flamengo empataram em 2 a 2 em um Mineirão lotado. O duelo foi válido pela 33ª rodada da Série A.

Diego abriu o placar na primeira etapa. Na segunda etapa, Robinho, de pênalti, deixou tudo igual. No fim, Lucas Pratto e Guerrero marcaram e deram números finais ao jogo.

Com o resultado, a equipe comandada por Zé Ricardo segue na segunda posição e tem 62 pontos, a cinco do líder Palmeiras, que enfrenta o Santos a partir das 19h30 (de Brasília). Já o Atlético-MG vai a 60 pontos e pode perder a terceira posição justamente para os santistas, que têm 58.

As duas equipes voltam a campo pelo Brasileirão no próximo fim de semana. O Fla encara o Botafogo no sábado, às 17h, no Maracanã. O Galo joga no domingo, às 19h30, contra o Coritiba no Couto Pereira.

Fla domina e abre o placar

O Flamengo foi superior ao Atlético-MG na primeira etapa. Com mais posse de bola, o time criou ao menos três chances mais perigosas. Em duas delas – tentativas de Guerrero e Fernandinho – Victor fez ótimas defesas. O goleiro só não parou o chute de Diego. O meia chutou cruzado de dentro da área após ajeitada de Guerrero e marcou pela quarta vez com a camisa do Fla.

Atlético-MG pressiona, mas muralha salva

No segundo tempo, o Atlético-MG melhorou e obrigou Alex Muralha a trabalhar mais. O arqueiro foi bem duas tentativas de Otero – uma de falta e outra em cruzamento que foi na direção do gol – e saiu para abafar bem um chute de Robinho.

E quando não tinha muito o que fazer, Muralha foi salvo por outras circunstâncias. Júnior Urso mandou para fora um chute da entrada da pequena área e Fred teve gol anulado por estar em impedimento.

Fim eletrizante

Em dificuldades, o Atlético-MG conseguiu o empate aos 36 minutos. Réver agarrou Fred na área, e o árbitro marcou o pênalti. Na cobrança, Robinho deixou tudo igual. Quatro minutos mais tarde, Lucas Pratto recebeu livre na área, se livrou de Muralha e bateu para virar a partida.

Mas não tinha acabado. Aos 44, Damião escorou dentro da área, Diego viu seu chute ser bloqueado e, na sobra, Guerrero bateu forte para balançar as redes e definir o empate.

HW COMUNICAÇÃO
Fonte: ESPN

ComentáriosComentários