JPMotos
Entrevista: Presidente do Vasco ataca árbitros gays no futebol: ‘Sou contra’
8 de fevereiro de 2017 às 09:44

20170207161535_2520_capa

Eurico Miranda voltou a criar polêmica no mundo esportivo. Desta vez, o presidente do Vasco se disse contra a presença de árbitros gays no futebol. A declaração do cartola vascaíno foi dada ao canal do YouTube “Na Lata”, apresentado pela atriz Antônia Fontenelle.

Perguntado sobre uma frase polêmica que ele disse no passado, sobre “futebol ser coisa de homem” e que não deve ser apitado por gay, o mandatário não hesitou em respoder.

“Eu não sou contra gay, eu só me manifestei contra árbitro gay, sou contra árbitro gay e isso é lá atrás (passado). Acho que o gay…eu não tenho nada contra o gay. Agora, contra o chamado…tomo mundo quer chamar de gay… a bicha extrovertida, toda cheia de coisa. Ela vai tender (em campo) para o namorado dele”, afirmou, segundo destacou o jornal O Dia.

Em outro ponto da conversa, Fontenelle indagou sobre a rivalidade do Vasco com o Flamengo. Eurico também foi direto.

“Não tenho nenhuma simpatia pelo Flamengo, não tenho ódio mas se você me perguntasse se eu gostaria que o Flamengo morresse, eu gostaria. Eu matar não. Mas pode ter uma morte natural”, disse.

Fonte: Notícias ao Minuto

 

137 total views, 1 views today

ComentáriosComentários