JPMotos
Flamengo foge do favoritismo na semifinal contra o Botafogo
7 de fevereiro de 2018 às 12:42
16
Visualizações

O Flamengo se classificou sem sustos para as semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, e agora vai medir forças com o Botafogo no sábado de Carnaval. Por já estar com o time montado e contar com um elenco milionário, o Rubro-Negro é considerado favorito absoluto para muitos, mesmo em se tratando de um clássico. O técnico Paulo César Carpegiani e os jogadores, porém, fogem do rótulo.

Na visão do treinador do Flamengo, a obrigação de ganhar não pode ser confundida com favoritismo: “Não costumo falar em favoritismo no futebol, ainda mais em um clássico. Acho que quem precisa analisar essa situação é a imprensa e não os profissionais envolvidos no jogo. O que posso dizer é que entendo que o Flamengo tem a obrigação de ganhar, mas não por conta do adversário, mas porque essa sempre foi a minha proposta de jogo pelos clubes onde passei.

Aqui não ia ser diferente”, analisou o treinador.O experiente zagueiro Juan segue a mesma linha de raciocínio: “Não existe favoritismo em clássico e não dá para pensar muito diferente disso. O jogo contra o Botafogo tem tudo para ser muito complicado. O adversário também não perdeu na temporada e por isso precisamos estar atentos”, frisou o veterano.

A escalação para a semifinal vai ser definida ao longo da semana, porém, o atacante Henrique Dourado teve a sua estreia confirmada pelo técnico: “O Henrique Dourado fará a sua estreia na semifinal. Já estava programado e ele sabe disso”, disse Carpegiani.

O elenco do Flamengo ganhou folga nesta segunda-feira e a reapresentação está marcada para esta terça-feira, no Ninho do Urubu, onde vai começar a preparação para a semifinal diante do Botafogo.

Fora de campo o Flamengo confirmou que o atacante Felipe Vizeu foi liberado e viajou para a Itália. Ele vai realizar exames médicos na Udinese, seu futuro clube. O jogador é aguardado para se reapresentar ao Rubro-Negro na quarta-feira.

 

gazetaesportiva

 

ComentáriosComentários