JPMotos
Fortaleza vence Botafogo/PB e abre pequena vantagem para a final
24 de maio de 2019 às 07:25
18
Visualizações

O Fortaleza teve muitas dificuldades para furar o bloqueio do Botafogo/PB, mas mesmo assim o venceu por 1 a 0, ontem à noite, na Arena Castelão, no jogo de ida pela final da Copa do Nordeste de 2019.

Tricolor do Pici agora se aproxima do título, bastando empatar na segunda partida, dia 29, às 20 horas, no Estádio Almeidão, em João Pessoa. É uma vantagem pequena, mas ela existe e os tricolores poderão conquistar o título da Copa do Nordeste, caso ao menos empatem com o Belo.

Estilos

Esse primeiro confronto colocou frente a frente dois estilos de jogo, que na competição regional, tiveram êxito para chegar à final da competição. O Leão do Pici é sempre um time a propor o jogo, utilizando seus quatro atacantes: Edinho, Osvaldo, Romarinho e Wellington Paulista.

Já o Belo é rotineiramente um time que não deixa o adversário jogar, com marcação forte e um intenso povoamento do meio-campo. O Tricolor utilizava os volantes Felipe Araruna e Felipe como os armadores de jogadas.

Edinho ficava aberto pela ponta direita para tabelar melhor com o lateral Tinga. Do lado esquerdo, Osvaldo e Romarinho buscavam produzir pelo setor, com o apoio do lateral-esquerdo Bruno Melo.

Fortaleza
Partida foi bem truncada no primeiro tempoKid Junior

Um dos embaraços para o time orientado por Rogério Ceni, além da forte marcação do adversário, foi a atuação apenas discreta de Osvaldo. O atacante não estava com ímpeto de antes, quando partia para cima da marcação pelas pontas. Parecia ainda sentir incômodo na panturrilha.

O Leão teve apenas duas finalizações levando perigo à meta adversária, embora tenha apresentado um volume de jogo maior que o rival. Os tricolores passaram a maior parte do tempo cruzando bola na área e a defesa cortando. O Belo pouco levou perigo.

Substituições

No segundo tempo, o técnico Rogério Ceni retirou Araruna e Osvaldo e colocou Dodô e Marcinho, respectivamente. O time passou a criar mais oportunidades, mas sem conseguir o gol esperado.

O Fortaleza cercou o Botafogo e passou a penetrar mais pelas laterais, especialmente pela esquerda, com Marcinho. Este, inclusive, tornou-se uma referência na hora de finalizar, por ter feito dois gols contra a Chapecoense, na Série A. Rogério Ceni continuou avançando o seu time e colocou em campo até o centroavante do sub-18, Gustavo Coutinho, para jogar ao lado de Wellington Paulista. E foi deste, o gol da vitória aos 33 min.

Copa do Nordeste – Final
Arena Castelão, em Fortaleza
23 de maio

Fortaleza: Marcelo Boeck; Tinga, Juan Quintero, Roger Carvalho e Bruno Melo; Felipe e Araruna (Dodô); Edinho, Romarinho (Gustavo Coutinho), Wellington Paulista e Osvaldo (Marcinho). Técnico: Rogério Ceni

Botafogo/PB: Saulo; Israel, Lula, Donato e Fábio Alves; Wellington César, Marcos Vinícius (Paulo Renê), Juninho e Clayton (Júnior); Dico (Enercino) e Nando. Técnico: Evaristo Piza

Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Gol: Wellington Paulista (FOR)
Cartões amarelos: Felipe (FOR). Wellington César e Juninho (BOT)

Diário do Nordeste

ComentáriosComentários