JPMotos
Hamilton se recupera de largada ruim, supera Vettel e embola o campeonato
15 de maio de 2017 às 07:28

A alternância de êxitos entre Mercedes e Ferrari vai construindo uma das temporadas mais equilibradas dos últimos anos na Fórmula 1. Neste domingo, Lewis Hamilton superou o rival Sebastian Vettel em uma complicada prova no Grande Prêmio da Espanha, em Barcelona, acirrando a disputa pelo campeonato. Daniel Ricciardo, da Red Bull, completou o pódio, na terceira colocação.

A vitória do tricampeão mundial na Espanha pareceu ameaçada na largada. Enquanto alguns carros se estranhavam na primeira curva, o piloto da Mercedes acabou ficando para trás, graças a um movimento bem-sucedido de Vettel por dentro da primeira curva. No entanto, o inglês contou com bom trabalho de boxes e com o rendimento superior de seu carro, em cenário que o levou até a ultrapassagem na 44ª volta.

Com a vitória, a segunda na temporada, Lewis Hamilton alcança os 98 pontos no Mundial de pilotos e diminui a folga de Vettel na liderança. O alemão da Ferrari agora aparece com 104 pontos.

A disputa da Fórmula 1 será retomada daqui a dois finais de semana, em 28 de maio, com a sexta etapa da temporada, programada para o circuito de Monte Carlo, no Grande Prêmio de Mônaco.

O vencedor: Lewis Hamilton

Vettel ultrapassou Hamilton e tomou a ponta logo de cara, numa largada confusa para quem vinha imediatamente atrás. Kimi Raikkonen (Ferrari, roda dianteira esquerda) e Max Verstappen (Red Bull, suspensão) acabaram colidindo na saída da reta e abandonaram a prova ainda na primeira volta.

Em seguida, Vettel conseguiu abrir alguma diferença na pista para Hamilton. No entanto, no retorno de sua segunda parada nos boxes, na volta 38, o alemão reapareceu na pista e teve que brigar roda a roda para evitar que o inglês recuperasse a primeira colocação.

A partir daí a Mercedes de Hamilton começou a render mais, e o inglês conseguiu a ultrapassagem logo na primeira tentativa, colocando por fora na reta, na volta 44. Em seguida, com supremacia técnica, administrou a vantagem.

Felipe Massa: azar logo na largada

O brasileiro teve um pneu de sua Williams furado logo na largada, após toque na McLaren de Fernando Alonso, perdeu posições e precisou ir aos boxes para a troca. Felipe Massa voltou à disputa em 18º lugar e teve de fazer uma corrida de recuperação, muito tempo atrás dos primeiros colocados.

Na pista, Massa conseguiu superar alguns adversários, mas voltou a ter problemas. O brasileiro foi tocado pela McLaren de Stoffel Vandoorne em uma disputa de posição, reclamou do belga e precisou retornar aos boxes. No fim, piloto da Williams acabou somente na 13ª colocação, uma posição atrás de Fernando Alonso.

A barbeiragem: Bottas provoca incidente na largada

O finlandês da Mercedes acabou tocando em Kimi Raikkonen na largada e provocou o choque entre o compatriota e a Red Bull de Max Verstappen.  Os dois últimos acabaram deixando a corrida logo na primeira volta, enquanto Bottas seguiu na pista, até abandonar na segunda metade, com problemas de motor.
A manobra

Na volta de uma parada nos boxes, Sebastian Vettel acabou passando algumas voltas atrás de Valtteri Bottas. O finlandês da Mercedes ofereceu resistência ao adversário da Ferrari, que retomou a ponta graças a uma ultrapassagem técnica no final da reta principal, retardando a freada e colocando sua Ferrari por dentro.

Galvão corneta Lance Stroll

O narrador da Globo voltou a criticar o desempenho do novato da Williams, que pagou para estrear na principal categoria do automobilismo mundial. Enquanto a transmissão flagrava o canadense ameaçado por uma Sauber, Galvão Bueno comentou: “Depois não digam que eu estou com cisma com o Stroll. Ele está sendo atacado por uma Sauber, um dos carros mais frágeis da temporada”.

Jovem fã da Ferrari chora com abandono de Raikkonen

Um garoto foi flagrado pela transmissão oficial da Fórmula 1 chorando copiosamente após o abandono do finlandês Kimi Raikkonen, logo na primeira volta. Mais adiante, o jovem fã da Ferrari reapareceu nos boxes da escuderia, desta vez sorrindo ao lado de seu ídolo.
Classificação provisória da corrida

1 – Lewis Hamilton (GBR) – Mercedes – 66 voltas
2 – Sebastian Vettel (ALE) – Ferrari – a 3s490
3 – Daniel Ricciardo (AUS) – Red Bull – a 1m1s782
4 – Sergio Pérez (MEX) – Force India – a 1 volta
5 – Esteban Ocon (FRA) – Force India – a 1 volta
6 – Nico Hulkenberg (ALE) – Renault – a 1 volta
7 – Carlos Sainz Jr. (ESP) – Toro Rosso – a 1 volta
8 – Pascal Wehrlein (ALE) – Sauber – a 1 volta
9 – Daniil Kvyat (RUS) – Toro Rosso – a 1 volta
10 – Romain Grosjean (FRA) – Haas – a 1 volta
11 – Marcus Ericsson (SUE) – Sauber  – a 2 voltas
12 – Fernando Alonso (ESP) – McLaren – a 2 voltas
13 – Felipe Massa (BRA) – Williams– a 2 voltas
14 – Kevin Magnussen (DIN) – Haas – a 2 voltas
15 – Jolyon Palmer (GBR) – Renault – a 2 voltas
16 – Lance Stroll (CAN) – Williams – a 2 voltas
17 – Valtteri Bottas (FIN) – Mercedes – abandono na 39ª volta
18 – Stoffel Vandoorne (BEL) – McLaren – abandono na 34ª volta
19 – Kimi Raikkonen (FIN) – Ferrari – abandono na primeira volta
20 – Max Verstappen (HOL) – Red Bull – abandon na primeira volta

Fonte: UOL

186 total views, 1 views today

ComentáriosComentários