JPMotos
Lateral brasileiro diz que ascensão da seleção com Tite chama atenção dos alemães e ignora revanche dos 7 a 1
2 de abril de 2017 às 19:11

A seleção brasileira foi a primeira a se classificar para a Copa 2018 e o sucesso mostrado nos últimos jogos, mais precisamente desde que Tite assumiu o comando, com direito a oito vitória/s se/guidas na/s Eliminatórias, tem empolgado os torcedores por todo País. Mais do que isso, o desempenho tem chamado atenção dos europeus que já ligaram o sinal de alerta, pensando no Mundial da Rússia. Pelo menos é o que garante Rafinha, do Bayern de Munique.

O lateral brasileiro, que está há 11 temporadas na Alemanha (12 na Europa, já que atuou um ano no Genoa-ITA), enalteceu o momento vivido pela equipe de Tite. “O Brasil vive uma crescente nos últimos jogos e todo mundo tem acompanhado. Aqui na Europa, todos estão vendo essa ascensão da seleção e a gente fica feliz que o Brasil reencontrou o bom futebol e está provando que vai dar trabalho na próxima Copa do Mundo.”

O torcedor brasileiro espera que em 2018, a seleção consiga apagar o vexame da Copa 2014, quando a equipe comandada por Felipão foi goleada pela Alemanha, no Mineirão por 7 a 1, na semifinal. Rafinha, que conhece muito bem o território adversário, não acredita que os alemães pensam em revanche por parte dos brasileiros. “O pessoal aqui não tem esse sentimento que o Brasil quer uma revanche do 7 a 1. Até porque é meio impossível de acontecer, né? Na real, tudo pode acontecer no futebol, mas isso foi um acidente e não passa na cabeça dos alemães. Revanche pelo 7 a 1 seria uma coisa absurda e muito difícil de acontecer.”

Rafinha ainda aproveitou para comentar sobre as atuações recentes de Neymar. O craque brasileiro vem dando show com a amarelinha, mostrando além de excelente futebol, uma liderança ímpar dentro de campo, sendo fundamental na conquista da vaga para a Rússia com quatro rodadas de antecedência.

No Barcelona, o jogador também mostrou essa força, principalmente na virada histórica contra o Paris Saint-Germain nas oitavas de final da Liga dos Campeões. Mesmo com a boa fase, Rafinha brinca dizendo que espera um rendimento pior do brasileiro com a camisa do clube espanhol. “Neymar está vivendo um momento extraordinário da carreira dele e a gente torce que ele continue assim, porque tá dando muitas alegrias para o torcedor brasileiro. Porém, espero que o bom rendimento seja só na seleção, no Barcelona tomara que ele dê uma maneirada, porque vai que ele joga contra a gente, aí complica… Brincadeiras à parte, espero que ele continue neste caminho, porque é um cara que merece todo respeito.”

O Bayern de Munique enfrenta o Real Madrid pelas quartas de final da Liga dos Campeões. Com isso, há a possibilidade de Rafinha ter de marcar simplesmente Cristiano Ronaldo. “Vai ser um duelo maravilhoso, a gente já teve o privilégio de jogar contra o Real em outras ocasiões e a gente sabe que vai ser um jogo muito difícil. Quem tem a ganhar com isso são os torcedores que vão ver um grande espetáculo. Todo mundo sabe que o Cristiano Ronaldo é um dos melhores do mundo e precisaremos ter atenção dobrada. Mas, também é preciso pensar no coletivo, porque a equipe toda é muito boa.”

R7

507 total views, 1 views today

ComentáriosComentários