JPMotos
‘Alemão’ retorna para presídio do Ceará depois um ano e meio em São Paulo
12 de março de 2016 às 11:17

imageO assaltante condenado pelo furto milionário ao Banco Central (BC), em Fortaleza, Antônio Jussivan Alves dos Santos, o ‘Alemão’ está de volta aos presídios cearenses depois de um ano e meio. O homem apontado como mentor do maior furto a banco do Brasil chegou na noite desta sexta-feira (11) ao Ceará sob forte escolta de agentes penitenciários e policiais.

Ele desembarcou no Aeroporto Pinto Martins e foi levado para Penitenciária Francisco Hélio Viana, em Pacatuba. Ali, deverá ficar até cumprir sua pena.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), Antônio Jussivan estava em São Paulo desde julho de 2014. ‘Alemão’ havia sido levado por solicitação da Poder Judiciário paulista, que requisitou  a transferência dele para  ouvi-lo em  um processo que tramita naquele Estado.

O assaltante retornou ao Ceará após cobrança do Juiz da 1ª Vara de Execução Penal da Comarca de Fortaleza, Luiz Bessa Neto. O magistrado é competente pelo processo de Antônio Jussivan na Justiça do Ceará.

‘Alemão’ foi condenado  pelo juiz Danillo Fontenelle Sampaio, da 11ª Vara da Justiça Federal no Ceará acusado de ser um dos chefes do grupo que planejou e realizou o furto ao BC, em agosto de 2005, quando R$ 164,7 milhões foram levados do caixa-forte.

Após nove anos foragido da Justiça do Ceará e de São Paulo, ‘Alemão’ foi localizado, em 2008,  pela Polícia Federal, em Brasília. De lá para cá, alternou períodos em presídios cearenses e em penitenciárias federais de segurança máxima.

Com parceria do Site Miséria

211 total views, 1 views today

ComentáriosComentários