JPMotos
Cerca de 500 processos de clonagem de placas são analisados no Estado
6 de setembro de 2016 às 11:47

20160905161047_7694_capaA clonagem de placas de carros não é um problema novo na vida dos cearenses. Quase 500 processos estão sendo analisados pela comissão responsável do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran). Só neste ano mais 100 novos casos estão sendo investigados.Segundo o órgão, o grupo responsável pelo julgamento dos casos é único no Brasil.

Para que o crime seja comprovado é necessário registrar um boletim de ocorrência (B.O), já que é preciso uma investigação policial sobre o caso. Em seguida, o motorista deve procurar o Detran e abrir um processo administrativo. É preciso reunir a documentação do veículo e, se for possível, provas que comprovem a fraude.

Uma equipe de seis pessoas, peritos e advogados, fazem uma análise dos documentos recebidos. Uma vistoria detalhada é necessária para que se comprove que aquele veículo é, de fato, o original . Caso o clone seja apreendido, não é necessário trocar a placa.

Fonte: Diário do Nordeste

157 total views, 1 views today

ComentáriosComentários