JPMotos
SAMU Ceará lança atendimento padronizado para evitar mortes por AVC
1 de novembro de 2016 às 12:02

20161101080032_1332_capa

O SAMU 192 Ceará realizou 760 atendimentos de casos de AVC no ano passado em todo o Ceará e, este ano, 819 atendimentos até setembro. Dados da Secretaria de Saúde (Sesa) apontam ainda que, em média, 30 pessoas morrem por AVC no Estado diariamente.

Para atentar amenizar este cenário, foi lançado, nesta segunda-feira (31), o Protocolo de Atendimento Pré-Hospitalar ao paciente vítima do AVC do SAMU 192 Ceará. Orientado pelo Ministério da Saúde para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), o protocolo trata da padronização da intervenção e da regulação médica dos casos de AVC, bem como do relatório de atendimento específico do agravo.

Quanto mais rápido o paciente for socorrido de forma adequada, maior a possibilidade de prognóstico favorável. No AVC, o atendimento adequado evita que o cérebro sofra maiores danos e representa toda a diferença entre viver ou morrer. Presente no lançamento do protocolo, o neurologista e presidente do Comitê Estadual de Atenção ao AVC, João José Carvalho, calcula que somente 21% dos pacientes chegam a tempo de receber o tratamento trombolítico nas emergências. Segundo ele, em apenas 14% dos casos o SAMU foi acionado.

Crescimento de ocorrências

No Hospital Geral de Fortaleza (HGF) funciona a maior unidade de atenção ao AVC do país, com até 35 trombólises realizadas por mês. Apesar disto, o número de ocorrências vem crescendo a cada ano.

No Ceará, o número de mortes foi de 4.598 em 2013, de 4.424 em 2014 e de 4.716 no ano passado. Atualmente, a cada 30 minutos alguém sofre um AVC no Estado e diariamente são feitas 11 internações de pacientes com AVC.

Além do HGF, dois hospitais da rede pública estadual fazem atendimento especializado: Waldemar Alcântara e Hospital Regional do Cariri (HRC), em Juazeiro do Norte.

Conscientização

O Dia Mundial do AVC (World Stroke Day, em inglês) é comemorado anualmente em 29 de outubro. A data tem a finalidade de conscientizar as pessoas sobre as formas de prevenção da doença cerebral que mais mata no Brasil. Em 2016, o tema do Dia Mundial do AVC é “Encare os fatos: o AVC é tratável”.

No Ceará, a Secretaria da Saúde do Estado e o Comitê Estadual de Atenção ao AVC programaram uma semana de atividades para marcar a data.

Fonte: Diário do Nordeste

ComentáriosComentários