JPMotos
Jovem morre ao ser arrastado por correnteza em Crato e outros dois são resgatados
19 de março de 2019 às 07:29
225
Visualizações

O vaqueiro José Guilherme Pereira Souza, de 20 anos, que residia na Rua Francisco Edson (Bairro Lameiro) em Crato, morreu em decorrência da forte chuva no início desta noite naquele município. O temporal causou, inclusive, inundações no centro da cidade e o Canal do Rio Grangeiro transbordou.

Por volta das 21 horas ele estava montado num cavalo e decidiu atravessar uma passagem molhada no Sítio Fundão quando foi arrastado pela correnteza por não ter tido o cuidado de mensurar a força das águas.

Além dele, outros dois jovens tentaram fazer o mesmo numa motocicleta e perderam o equilíbrio do veículo. Também foram arrastados, mas tiveram melhor sorte ao serem retirados com vida da correnteza. O vaqueiro foi encontrado pouco depois, igualmente por populares, porém já tinha morrido.

O rosto apresentava hematomas e o óbito pode ter sido em decorrência de traumatismo craniano em virtude das muitas pedras no trajeto ou afogamento ou ainda as duas coisas.

O cavalo de José Guilherme conseguiu escapar, enquanto ele estava em meio a diversos galhos de árvores que tombaram no leito da passagem molhada. O achado do mesmo só foi possível quando o nível das águas baixou. A polícia foi acionada e uma patrulha da Companhia Militar de Crato esteve no local adotando as providências. O corpo da vítima foi recolhido pelo rabecão a fim de ser necropsiado na Perícia Forense de Juazeiro.

 

Outros

Pelo menos 2 veículos foram arrastados pelo leito do rio Grangeiro em Crato durante a forte correnteza. Os transtornos estão espalhados por toda a cidade, o trabalho de limpeza foi iniciado ainda noite de ontem e deve terminar somente no sábado segundo Valdir Jacinto, coordenador de serviços públicos em Crato.

 

Com Parceria Site Miséria.com.br
Por Demontier Tenório

 

ComentáriosComentários