JPMotos
Acusado de matar homem a facadas em Farias Brito já está recolhido à cadeia pública
22 de novembro de 2016 às 13:09

20161122061159_4484_capa

Um homem acusado de matar outro a golpes de faca em Farias Brito já está recolhido à cadeia pública daquela cidade. Cosmo José Gregório Alves, de 32 anos, apelidado por “Preto”, passou o seu primeiro final de semana por trás das grades. Ele é acusado de ter esfaqueado o agricultor Sandoval Raimundo Duarte, de 44 anos, o “Val de Demar” que residia na Vila Umari, no dia 22 de outubro e o mesmo faleceu três dias depois no Hospital de Farias Brito.

O crime aconteceu no Distrito de Quincuncá, porém “Preto” nega envolvimento no caso mesmo sabendo que, antes de morrer, a vítima o apontou como o autor dos golpes. Ele foi preso numa patrulha coordenada pelo Subtenente Simplício, Comandante do Destacamento de Farias Brito, com o apoio dos Sargentos Freire e Freitas e dos Soldados Francisco e Santos. Os PMs cumpriram um mandado de prisão preventiva expedido pela justiça local.

Eles chegaram a montar campana no Sitio Cajui na zona rural de Farias Brito com a intenção de prendê-lo já que estaria escondido dentro do mato. Outro acusado do crime era Leonardo Pereira Silva, de 24 anos, mas morreu atropelado por um veículo na noite do último dia 13 de novembro nas imediações do aterro sanitário de Juazeiro do Norte situado na Vila Padre Cícero (Palmeirinha), onde morava.

Com Parceria Site Miseria

ComentáriosComentários