JPMotos
Agricultor preso teria dado apoio à quadrilha que assaltou bancos em Missão Velha
9 de fevereiro de 2017 às 10:56

DRGFDGSF

Continua preso o agricultor Leonardo dos Santos Domingos, de 27 anos, natural de Barbalha e residente no Sítio Banco de Areia na zona rural de Missão Velha. Ele teria dado apoio logístico a dois homens integrantes da quadrilha pernambucana que assaltou as agências do Bradesco e Banco do Brasil na madrugada de sexta-feira (03) em Missão Velha. Por volta das 12h30min de sábado a polícia tinha prendido ainda Nadeilson Wisard dos Santos, de 35 anos, residente em Salgueiro (PE) e integrante do bando.

Os autos de prisões em flagrante (APF) foram protocolados na tarde de segunda-feira junto à Comarca de Missão Velha. Na noite de sábado, na 20ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte a Delegada Cícera de Jesus Santos Araújo tomou os depoimentos de ambos. No caso de Leonardo, este confessou ter ido ao mato catar pequi com seu filho de 6 anos quando viu dois homens que se aproximaram pedindo ajuda e dizendo que a polícia estava à procura deles.

De imediato, prometeram dar ao agricultor R$ 5 mil em troca de informações para chegar ao município de Jardim, a garantia de alimentação e a guarda de duas armas de fogo e munições que levavam consigo. De início pediram água, pois afirmaram que estavam com sede no que foram atendidos por Leonardo o qual disse no depoimento prestado à delegada do receio que fizessem mal ao seu filho. Além disso, ensinou o caminho para Jardim e guardou as armas após uma recusa inicial.

O agricultor ainda teria alimentado os homens pelo que se depreende na entrevista concedida por sua mãe à Imprensa dando conta das panelas vazias em casa e a afirmação do filho que tinha comido tudo. Na manhã desta terça-feira a advogada Cinthia Sinara Pereira de Queiroz pediu a revogação da custódia preventiva de Leonardo dos Santos o que já foi encaminhado e está sendo analisado pelo Ministério Público. No dia da prisão dele, familiares e amigos ficaram perplexos assegurando que o mesmo tinha sido feito refém.

Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

210 total views, 1 views today

ComentáriosComentários