JPMotos
Baleada pelo ex ressuscita de morte cerebral constatada por médicos
11 de fevereiro de 2020 às 14:00
65
Visualizações

A jovem Karina Souto, de 29 anos, que foi baleada nos rosto pelo ex-namorado, teve a morte cerebral constatada no hospital ao qual foi socorrida. No entanto, quando os médicos estavam prestes a desligar os aparelhos no último dia 4, a mulher reagiu, mexendo as mãos. Apesar do estado de saúde dela ser grave, novos exames mostram que o quadro é reversível. As informações são do portal O Livre, de Mato Grosso.

De acordo com o pai da vítima, ele havia feito uma oração 10 minutos antes de receber a notícia que a filha havia reagido. A mulher foi levada de volta para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde segue internada. Segundo O Livre, ela não fala, mas já abriu os olhos e reage às pessoas ao seu redor.

Karina foi baleada no último dia 1º por Baltazar Augusto de Menezes, de 58 anos. O crime aconteceu após a mulher se recusar a reatar o namoro. Depois de atirar, o suspeito se matou com um tiro na cabeça, em Nova Xavantina, no Mato Grosso.

Segundo a polícia civil, Baltazar atirou no rosto de Karina e depois disparou contra a própria cabeça. O caso foi registrado como tentativa de homicídio e suicídio.

A mulher estava com um grupo de pessoas na casa de uma amiga na cidade, quando Baltazar chegou e começou a discussão com a ex-namorada. Testemunhas dizem que depois da jovem disse não ao suspeito, ele foi até o carro para guardar um presente devolvido por Karina e pegou uma arma para cometer o crime e em seguida o suicídio.

Terra

ComentáriosComentários