JPMotos
Barbalhense foi morto em Crato após discussão durante uma festa religiosa
4 de junho de 2017 às 04:08

Uma discussão por motivos banais resultou num homicídio por volta das 23h30min desta sexta-feira perto da Igreja do bairro Vila Lobo em Crato. Wandson Roberty Teófilo, de 35 anos, morava no Distrito de Arajara em Barbalha e foi lesionado a tiros quando seguia até o estacionamento a fim de apanhar sua motocicleta para retornar à sua residência.

Militares do Batalhão de Divisas estiveram no local e souberam, por testemunhas, que a vítima tinha discutido com um mototaxista apelidado por “Paim” enquanto participava da festa religiosa em louvor ao padroeiro do bairro Vila Lobo. Quando saía da festa, terminou atocaiado por dois homens numa moto Honda Bros de cor preta os quais já se aproximaram de Wandson atirando. O único procedimento que ele respondeu na justiça foi de uma ação cível de pensão alimentícia em março de 2009 em São Paulo

Este foi o primeiro homicídio do mês de junho em Crato e o 28º do ano no município. O último tinha ocorrido na noite de quarta-feira, dia 31 de maio, quando Jefferson Pires Soares, de 28 anos, o “Aleijado”, foi baleado dentro de sua casa na Rua Sagrada Família, 178 (Centro) e morreu no Hospital São Raimundo. Na justiça, ele respondeu uma ação penal por danos e seus algozes fugiram numa moto de cor vermelha após alvejá-lo com dois disparos de revólver na presença de sua mãe.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

198 total views, 2 views today

ComentáriosComentários