JPMotos
Cobrador foi executado a tiros de pistola perto de uma churrascaria no centro de Brejo Santo
30 de setembro de 2017 às 07:23

O cobrador João Rodrigues Paulino, de 51 anos, o “Joãozinho”, que residia na Rua José Carlota (Bairro Renê Lucena I) em Brejo Santo, morreu por volta de uma hora da madrugada desta sexta-feira no hospital daquela cidade. No início da noite de ontem ele passava em frente à Churrascaria O Devinha que funciona na Rua Manoel Leite, no centro de Brejo Santo, quando foi surpreendido por sete tiros de pistola no tórax e abdômen, sendo socorrido por populares ao Hospital Geral.

Segundo a polícia, “Joãozinho” respondia por dois crimes de portes ilegais de arma de fogo e associação criminosa. Ele trabalhava como cobrador de uma empresa de material de construção e ainda foi submetido a uma cirurgia, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos falecendo cerca de sete horas após ser baleado. A polícia esteve no local do crime recolhendo nove cartuchos calibre 765 deflagrados, mas não conseguiu qualquer informação que pudesse ajudar na descoberta da autoria delitiva.

Este foi o primeiro homicídio deste mês de setembro em Brejo Santo e o sétimo de 2017 no município, onde 17 pessoas tombaram mortas no decorrer do ano passado. O último deste ano tinha ocorrido no dia 30 de junho com o achado do cadáver do jovem Ednaldo Alexandre Amaro Filho, de 18 anos, em um matagal perto de sua casa no bairro Morro Dourado. Na época, a polícia informou que o mesmo não respondia procedimentos criminais.

Por Demontier Tenório
Com Informação Miséria.com.br

194 total views, 1 views today

ComentáriosComentários