JPMotos
Corpo de homem morto num curral de ovelhas em Campos Sales segue no IML de Juazeiro
29 de junho de 2020 às 08:10
50
Visualizações

O corpo do agropecuarista Manoel de Andrade Silva, de 59 anos, que era apelidado por “Manoel de Colinha”, segue numa das gavetas da Perícia Forense de Juazeiro do Norte no aguardo de familiares. Ele foi assassinado a tiros por volta das 7 horas da manhã de sábado (27) dentro de um curral de ovelhas no Sítio Barra dos Gonçalves (Distrito de Carmelópolis) na zona rural de Campos Sales, onde residia, por dois homens que fugiram num veículo Fiat Siena.

Existem rumores que a motivação seria uma suposta briga por terras. Em janeiro deste ano Pedro Andrade Silva ingressou com Ação de Usucapião na Comarca de Campos Sales relacionada com terras de Manoel. Antes, em abril de 2015, ele já tinha sido vítima de tentativa de homicídio juntamente com sua companheira, cujo procedimento indiciou José Geovane Alves da Silva e Antonio da Silva Alves.

Este foi o sexto homicídio do mês de junho em Campos Sales e o 23º do ano no município. O último tinha acontecido quarta-feira e o corpo, também, continua na Pefoce de Juazeiro. Um homem identificado apenas pelo apelido de “Besouro” morreu num confronto com a polícia numa casa no Sítio Serra Verde. Contra ele, havia um mandado de prisão em aberto por estupro no Ceará e o mesmo tinha várias passagens pela polícia em virtude da prática de crimes no Ceará, Piauí e Pernambuco.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

ComentáriosComentários