JPMotos
Dono de bar usava drogas em Juazeiro e tinha um revólver a nona arma apreendida no Cariri
26 de Janeiro de 2018 às 12:49
37
Visualizações

Num intervalo de apenas cinco dias o plantão policial registrou as prisões de sete pessoas e apreensões de nove armas de fogo e uma faca na região do Cariri. Foram três revólveres somente em Juazeiro do Norte, outro em Crato e mais um em Várzea Alegre, onde foram recolhidas ainda quatro espingardas. Por volta das 22h30min o comerciante Ronaldo da Silva Alencar, de 34 anos, fumava maconha em seu bar no cruzamento da Avenida Ailton Gomes com a Rua São Mamede (Pirajá) em Juazeiro.

Ali chegou a equipe RAIO 07 que aproveitou para vistoria minuciosa no estabelecimento ante a suspeita da venda de drogas. Dentro do fogão, os PMs apreenderam um revólver calibre 38 com cinco cartuchos intactos. Dias antes, na Avenida Letícia Pereira (Campo Alegre), militares do POG prenderam o aposentado José Pedro Lima, de 82 anos, ali residente, com outro revólver calibre 38 tendo seis cartuchos intactos e mais 42 sobressalentes.

Já em Lavras da Mangabeira policiais militares se depararam com dois jovens perto do posto de combustíveis Padre Cícero numa moto Honda CG 125 Fan KS de cor vermelha e placa NUZ-4070, inscrição do Ceará. Na abordagem, encontraram com Emanoel Matos Torres, de 24 anos, uma faca e ele se fazia acompanhar de um adolescente de 17 anos, sendo levados à Delegacia de Polícia Civil.

Na tarde de domingo, porem na Rua Frei Damião (Vila São Francisco) em Crato, as equipes RAIO 02 e 03 notaram quando um menor apelidado por “Cabal” tratou de fugir ao ver os PMs. No imóvel onde se refugiou, os “raianos” prenderam Paulo Henrique Soares da Silva, de 21, e Cícero Alisson Moreira do Nascimento, de 18 anos, após encontrarem 882 gramas de maconha e sacos usados para embalar drogas. Com Alisson, apreenderam ainda um revolver calibre 22 com cinco cartuchos intactos.

Enquanto isso, às 21 horas desta segunda-feira a polícia de Várzea Alegre foi avisada sobre um homem com armas e ameaçando seus familiares. Uma patrulha foi até o Sítio Vacaria (Distrito de Bicatu) na zona rural daquele município e prendeu Joaquim Frutuoso de Oliveira, de 42 anos. Ele disse aos PMs que não só dava manutenção como fabricava armas e, na sua casa, foram apreendidos um revólver calibre 32, quatro espingardas socadeiras, cinco canos de espingardas artesanais e peças para as mesmas.

 

Com Parceria Site Miséria.com.br
Por Demontier Tenório

 

ComentáriosComentários