JPMotos
Durante transferência para hospital de João Pessoa, bebê cajazeirense sofre parada cardiorrespiratória e morre
28 de agosto de 2018 às 14:15
23
Visualizações

O bebê Nicholas Giuseppe, que mobilizou as redes sociais com pedidos de orações e apelos para restauração de sua saúde, não resistiu e veio a óbito na noite da última segunda-feira (27).

A criança nasceu com cardiopatia grave e má formação no coração, o caso ganhou repercussão pelo curioso fato do bebê antes das 24 horas pós-nascimento, ter ficado fraquinho e o coração parou de bater. Segundo informações, o médico já estaria pronto para assinar a certidão de óbito, quando menino milagrosamente abriu os olhos e o coração voltou a bater.

Apesar de ter “voltado a vida” Nicholas precisava urgentemente de uma transferência,  ele nasceu com uma cardiopatia congênita conhecida como Síndrome de Hipoplásia do Coração Esquerdo. Tratava-se de uma má formação rara.

A criança estava sendo transferida para o Hospital Metropolitano de João Pessoa, mas ao chegar na cidade de Sousa teve uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. O corpo do bebê retornou a Cajazeiras e foi entregue à família para o sepultamento.

A mãe do bebê, Elaynhe Moura, lamentou a perca do seu filho em uma rede social, em um desabafo emocionante ela relatou: “os dois dias que passei com vc foi um does melhores da minha Vida, que eu nunca vou esquecer, e eu te amo demais.” 

A família enlutada  agradeceu a todos que compartilharam e se uniram nessa campanha de solidariedade e fé. 

ComentáriosComentários