JPMotos
Ex-presidiário foi morto a tiros em Milagres no quarto homicídio do ano no município
1 de fevereiro de 2018 às 13:06
94
Visualizações

Exatamente uma semana após um novo homicídio foi registrado em Milagres se constituindo no quarto de 2018 ou a metade na comparação com todo o decorrer do ano passado. Por volta das 21h30min o ex-presidiário José Luiz da Silva Neto, de 31 anos, o “Neto dos Mudos”, que residia em Mauriti, foi executado a tiros na cabeça às margens da CE-384 na altura do Sitio Carnaúba na zona rural de Milagres.

Segundo a polícia, ele respondia procedimentos por crimes de tráfico de drogas, uso de substâncias entorpecentes, posse de arma de fogo, ameaça, furto, resistência à prisão, desacato, crime ambiental e violência doméstica. Uma patrulha do Destacamento Militar de Milagres esteve no local sob o comando do Sargento Vidal isolando a área no aguardo da perícia. Populares disseram ter ouvido apenas os estampidos de arma de fogo

No dia 9 de janeiro houve um duplo homicídio na Travessa João Fechine (Bairro Quatro Bocas) em Milagres quando tombaram mortos o crediarista Givaldo Alves de Sousa, de 27 anos, o “Pescocinho”, e o seu tio José Cícero Alves dos Santos, de 40 anos, o “Ciço Mototaxista”. Já no dia 24, no mesmo Sitio Carnaúba, o pedreiro José Lins de Sousa, de 44 anos, o “Zé Braz” que residia no Sitio Vaca Brava, foi morto no Bar do Otacílio onde ingeria bebidas alcoólicas com outras pessoas.

 

Com Parceria Site Miséria.com.br
Por Demontier Tenório

ComentáriosComentários