JPMotos
Fim de semana com quatro homicídios em Juazeiro do Norte, Araripe e Crato
15 de maio de 2017 às 12:13

Caiu de seis para cinco o número de mortes violentas na comparação entre os dois últimos finais de semana na região do Cariri. Neste foram quatro homicídios, sendo dois em Juazeiro e os demais em Araripe e Crato, além de um caso de coma alcoólico em Brejo Santo. Segundo levantamento feito pelo Site Miséria, um corpo deu entrada ainda na noite de sexta-feira, outros dois no sábado e mais dois neste domingo

Por volta das 23h30min desta sexta-feira, perto da Garagem da Guanabara (Triângulo) em Juazeiro, foi assassinado com cinco facadas o jovem Francisco Carlos de Miranda, de 31 anos, o “Ketilin” que era homossexual. Ele morava na Rua José de Alencar, 1828 no bairro João Cabral e, segundo testemunhas, costumava permanecer no local para fazer programas sexuais.

Já às 08h30min de sábado foi encontrado o cadáver de um homem de aproximadamente 35 anos na estrada vicinal de acesso à Serra do Vitorino (Distrito de Pajeú) a uma distância de 4 Km para o centro de Araripe. O mesmo vestia uma camisa preta, calça jeans na mesma cor, sandálias, corpo moreno e apresentava cerca de 15 perfurações à faca a maioria nas costas. Segundo os policiais militares que estiveram no local, a vítima não portava documentos que permitissem sua identificação.

Às 17 horas morreu no Hospital Regional do Cariri o mototaxista José Júnior Matias de Oliveira, de 29 anos, que residia na Rua Francisco Martins de Souza, 56 (Frei Damião) em Juazeiro. Por volta das 20h30min do dia 5, na rua onde morava, ele foi lesionado com um tiro na nuca por dois homens que fugiram em uma moto de cor preta. Júnior trabalhava no posto perto da Pizzaria Havilla naquela via e terminou socorrido em estado grave ao HRC, onde morreu oito dias depois.

Por volta das 04h30min de domingo o ex-presidiário Jorge Yuri Rocha da Silva, de 25 anos, o “Joca” que morava na Rua 7 de setembro, 423 (Bairro Santa Luzia) em Crato, foi morto a tiros. O crime aconteceu na Rua Gerson Zabulon perto da Capela de São Sebastião no bairro São Miguel. A vítima respondia por crimes de violência doméstica e foi presa terça-feira após tentar matar com uma facada no interior do mercado central Wellington Costa Herculano, de 21 anos, residente no Distrito de Ponta da Serra.

Cerca de dez horas depois foi encontrado o corpo do jovem Antonio Marciano Gomes Silva, de 23 anos de idade, que residia no Sítio Timbaúbas na zona rural de Brejo Santo. A causa da morte está sendo atribuída a um coma alcoólico já que o rapaz fora visto bastante embriagado e ingerindo mais bebidas.

Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

142 total views, 3 views today

ComentáriosComentários