JPMotos
Fim de semana com quatro mortes em acidentes no Cariri, dois afogamentos e um homicídio
4 de abril de 2017 às 09:00

Caiu de 11 para nove o número de mortes violentas na comparação entre os dois últimos finais de semana na região do Cariri. Neste, foram quatro vítimas fatais em acidentes de trânsito, dois afogamentos, um homicídio, um caso de descarga elétrica e outro de queda. De acordo com levantamento feito pelo Site Miséria, foram dois corpos de Crato e os demais de Nova Olinda, Jardim, Campos Sales, Juazeiro, Brejo Santo, Penaforte e Araripe, sendo sete no sábado e outras duas mortes neste domingo.

No início da madrugada de sábado morreu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri João da Silva, de 43 anos, que residia na Rua Ozana Pereira, 812 (João Cabral) em Juazeiro, vítima de uma queda na sexta-feira. Pouco depois, faleceu igualmente no HRC, Luciene Cardoso dos Santos, de 30 anos, que residia na Rua 102 (Conjunto Viver Bem) em Juazeiro, vítima de um acidente com moto dia 12 de março na estrada de acesso a uma das localidades rurais de Brejo Santo.

Às 7 horas Leandro Gonçalves Lima, de 27, que trabalhava numa fábrica de alumínio e residia no Sítio Soturno em Farias Brito morreu num acidente na CE-386 no Distrito de Dom Quintino em Crato. Ele pilotava uma moto levando seu filho Davi dos Santos, de 4 anos, quando colidiu num Corolla cinza que forçou ultrapassagem na rodovia. O carro era dirigido pelo médico Mondeyv de Freitas Pascoal, de 32 anos, residente em Juazeiro, que permaneceu no local e foi levado à delegacia, sendo que o teste do bafômetro deu positivo. A criança terminou socorrida ao Hospital São Francisco de Crato.

Por volta das 08h30min o corpo do estivador Paulo Everton da Silva, de 27 anos, o “Neguim de Dabel”, foi encontrado dentro de sua casa na Rua Raimunda Pereira, 90 (Bairro Piçarreira) às margens da CE-292 em Nova Olinda. Ele tinha várias passagens pela polícia e apresentava lesões a pauladas, principalmente na cabeça. Paulo já tinha sido preso duas vezes por furtos e corrupção de menor. Em fevereiro de 2016 foi vítima de atentado à bala em Crato e dia 13 de setembro tentou matar Claudenubio Rodrigues de Matos.

Duas horas após foi encontrado o corpo do agricultor João Péricles Teles Coutinho, de 46 anos, que residia no Sítio Alto dos Medeiros na zona rural de Jardim o qual morreu eletrocutado. Na localidade tinha chovido bem e com ventos fortes chegando a causar a queda de um fio da rede elétrica entrando em contato com uma cerca de arame farpado. Quando a vítima tocou no arame sofreu descarga elétrica e morreu no local que fica a uma distância média de 2 Km para o centro de Jardim.

Já às 18 horas o Corpo de Bombeiros localizou o corpo de Victor Ariel Cardoso Pereira, de 6 anos, que morreu afogado no Rio Brejo no Sítio Monte Alegre em Crato. Ele morava na Rua São Raimundo, 368 (Bairro Gizélia Pinheiro) e, segundo familiares, saiu de casa cedo na companhia de um vizinho identificado apenas por “Francisco” com destino à roça deste. A criança foi tomar banho no manancial e, diante da demora, o agricultor saiu à procura recorrendo a ajuda dos Bombeiros que o encontrou já sem vida.

Cerca de quatro horas depois, ainda no sábado e na CE-187 rodovia estadual que liga os municípios de Campos Sales e Salitre, foi encontrado o corpo de um homem ao lado de sua moto de cor vermelha e sem placas. Ele não possuía documentos que permitissem a sua identificação e, provavelmente, caiu do veículo morrendo no local a uma distância média de 1 Km para o centro de Campos Sales

Por volta das 13 horas deste domingo morreu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro Cícero Robério Limeira de Lima, de 39 anos, que residia na Vila Padre Cícero em Penaforte. No sábado, ele se envolveu num acidente com moto na estrada de acesso ao Sítio Montevidéu naquele município quando terminou socorrido ao HRC, mas faleceu algumas horas depois.

Aproximadamente 10 horas depois foi encontrado o corpo de um jovem identificado apenas pelo apelido de “Bassoura”. Estava boiando nas águas do açude João Almino situado às margens da CE-292 em Araripe. Segundo testemunhas, o rapaz costumava ingerir bebidas alcoólicas a exemplo do que fizera no domingo antes de ir tomar banho no manancial, onde morreu afogado.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

274 total views, 2 views today

ComentáriosComentários