JPMotos
Identificados os menores que tombaram mortos em Juazeiro numa troca de tiros com a polícia
29 de junho de 2017 às 15:25

Na noite desta quarta-feira foram identificados os dois adolescentes que morreram numa troca de tiros com policiais militares após assaltos em Jardim e Barbalha. Cícero Lucas Rodrigues de Lima tinha 17 anos e morava na Rua Ana Rita de Sousa no apartamento 105 do Bloco 25 no Conjunto Minha Casa Minha Vida (Aeroporto), enquanto seu comparsa era Kaio Vinicius Rodrigues Botelho, de 16 anos, que residia na Rua Antonio Cardoso de Souza, 55 no bairro Pedrinhas, ambos em Juazeiro do Norte.

Nenhum dos PMs saíram feridos e uma ambulância do SAMU ainda esteve no local para o socorro, mas os profissionais de saúde apenas constataram os óbitos. A polícia recolheu uma pistola calibre 765 e um simulacro que estavam em poder dos dois, 50 gramas de crack, oito de maconha, 26 gramas de cocaína as quais foram entregues na 20ª Delegacia Regional de Polícia Civil a exemplo do veículo Corolla de cor cinza e placas KKR-6088, inscrição de Cedro (PE), roubado às 13h20min em frente ao Colégio Tasso Jereissati na Avenida Wilson Roriz em Jardim.

Os dois e mais um comparsa que conseguiu furar o cerco policial no bairro Cidade Universitária em Juazeiro, tinham abordado Edvania Maria de Souza, de 35 anos, residente em Jardim, de quem tomaram o seu carro. O trio fugiu no veículo pela CE-060 na direção de Barbalha quando militares do destacamento de Jardim acionaram os seus colegas de farda da companhia de Barbalha.

Todavia, houve um desencontro e os acusados conseguiram chegar até à Avenida Leão Sampaio derivando para o Sítio Venha Ver, na zona rural de Barbalha, onde roubaram R$ 1.000,00 no mercantil da localidade. Depois, seguiram em alta velocidade na direção do Sítio Lagoa quando apontaram uma das armas de fogo para um funcionário da Farmace que esperava o ônibus da empresa e tomaram sua bolsa.

O rumo seguinte foi a Vila Santa Luzia que já fica perto da divisa com Juazeiro do Norte seguindo pela Rua Manoel José Vitorino na direção do bairro Cidade Universitária. A polícia juazeirense já tinha sido avisada e uma patrulha viu o Corolla em alta velocidade iniciando a perseguição com o apoio da aeronave do Ciopaer. Um dos acusados já tinha roubado uma moto Honda Biz de cor vermelha na qual conseguiu fugir.

Ante a aproximação dos PMs, os dois menores abandonaram o carro e adentraram o mato na área do Loteamento Cidades Kariris. Se sentido acuados, atiraram na direção dos policiais que revidaram causando a morte dos adolescentes. Lucas já tinha várias passagens pela polícia a exemplo de Kaio. Este último tinha sido preso no dia 7 de fevereiro na Rua Joaquim Cruz (Aeroporto) juntamente com outro menor de 16 anos. Eles estavam com um revólver calibre 38 e trafegavam numa moto Honda CG 125 Fan KS de cor preta que tinham acabado de roubar no bairro Pio XII.

Agora, são 15 homicídios no decorrer de junho que se tornou o mês mais violento do ano em Juazeiro juntamente com março. Em 2017 já ocorreram 72 assassinatos e o último tinha sido o andarilho José Ronaldo da Costa, de 28 anos, que residia no bairro Frei Damião. Ele teve o corpo encontrado crivado de bala na madrugada de terça-feira na Rua Mauro Sampaio ao lado da Praça Antonio Conserva Feitosa no bairro Lagoa Seca.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

163 total views, 1 views today

ComentáriosComentários