JPMotos
Jovem acusado de crimes morreu em hospital de Juazeiro após ser baleado em Barbalha
4 de agosto de 2017 às 11:55

O jovem José Tiago Ribeiro do Nascimento, de 20 anos, morreu às 18 horas desta quinta-feira em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro do Norte cerca de dez dias após ter sido alvejado com seis tiros de revólver perto de sua casa em Barbalha. Ele morava na Rua P17 do bairro Malvinas e respondia por crimes de porte e posse ilegal de arma de fogo, sendo suspeito de comandar o tráfico de drogas naquele bairro.

Além disso, um Boletim de Ocorrência com representação criminal contra Tiago e Kamilly dos Santos foi feito na Delegacia de Missão Velha e protocolado no dia 23 de outubro de 2014 na comarca daquele município. Já um APF (Auto de Prisão em Flagrante) terminou protocolado no dia 5 de maio de 2017 na Comarca de Barbalha para responder uma Ação Penal.

Segundo a polícia, o mesmo era comparsa de Sebastião Alex Quintino dos Santos, de 26 anos, o “Alex das Malvinas” que residia na Rua P17, número 153 (Malvinas) em Barbalha. Este foi assassinado a tiros na cabeça no último dia 18 de abril perto no Loteamento Lagoa Seca I perto do Condomínio Cidade Kariris no bairro Lagoa Seca em Juazeiro. Alex respondia por crimes de trânsito, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e uma tentativa de homicídio.

A morte de Tiago se constituiu no primeiro homicídio do mês de agosto em Barbalha e o oitavo do ano no município. O último tinha ocorrido no dia 11 de junho com o achado do cadáver de Michel Kleber Ferreira, de 37 anos, que residia no Sítio Bananeira na zona rural de Salgueiro (PE). O corpo se encontrava parcialmente carbonizado numa estrada vicinal entre os municípios de Barbalha e Porteiras a uma distância média de 100 metros em relação à CE-060 que liga Barbalha e Jardim.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

163 total views, 1 views today

ComentáriosComentários