JPMotos
Jovem de 21 anos teve sua casa invadida por dois homens e foi morto a tiros esta tarde em Mauriti
21 de setembro de 2016 às 17:19
17
Visualizações

20160921164046_7356_capa

Um homicídio foi registrado por volta das 12h30min desta quarta-feira em Mauriti se constituindo no primeiro do mês de setembro e o oitavo de 2016 no município, onde 11 pessoas tombaram mortas no decorrer do ano passado. O ex-presidiário Yago Moreira Brito, de 21 anos, estava em sua casa na Rua José Teodorico Leite quando chegaram dois homens num veículo de cor preta e, com os rostos cobertos, invadiram o imóvel e passaram a efetuar os disparos sem qualquer discussão.

Segundo a polícia, a vítima era usuária de drogas e respondia por crime de furto e outro de lesão corporal contra Albemário Cavalcante Lacerda, cuja ação penal foi protocolada na Comarca de Mauriti no dia 28 de junho de 2016. Há duas semanas, Ygor Moreira ganhou liberdade da cadeia pública de Mauriti. O seu corpo foi trazido para necropsia no Instituto Médico Legal (IML) de Juazeiro, enquanto a polícia promoveu diligências sem o êxito de localizar os acusados.

O último homicídio naquela cidade aconteceu no dia 3 de agosto tendo como vítima o adolescente Leandro Tavares da Silva, de 15 anos, que estava na calçada de sua residência situada numa rua por trás do posto de combustível Mateus (Bairro Dantas) quando foi surpreendido com dois tiros. Da mesma forma, era usuário de drogas e já tinha sido vítima de um atentado à bala na estrada de acesso ao Sítio Coité na zona rural de Mauriti quando um amigo seu foi atingido por uma bala perdida e morreu.

Com Parceria Site Miseria

ComentáriosComentários