JPMotos
Justiça condena vigilante do Banco do Brasil de Paulista por furtar dinheiro de aposentado
12 de junho de 2019 às 06:05
21
Visualizações

O juiz da Comarca de Paulista, Natan Figueredo Oliveira, condenou à pena de três anos e dez meses de reclusão um ex-segurança do Banco do Brasil daquela cidade, acusado de furtar dinheiro da conta de um cliente da agência, aproveitando-se da relação de confiança entre os dois, já que a vítima pedia auxilio do servidor para sacar seu benefício de aposentadoria nos caixas eletrônicos.

Blog do Naldo Silva obteve cópia da decisão, publicada no diário oficial na última sexta-feira, onde o magistrado acatou a denúncia ofertada pelo Ministério Público contra Afonso Dantas de Sousa.

De acordo com o processo, em seis ocasiões nos meses de maio (duas vezes), junho, setembro e novembro de 2010, além de fevereiro de 2011, Afonso realizou saques e transferências bancárias não autorizados pela vítima, José Paulino da Silva, que somaram R$ 3.800.

A defesa ainda argumentou que o valor desviado era insignificante, requerendo sua absolvição.

“No caso em apreço, a conduta perpetrada pelo réu não se revela como de escassa ofensividade social e tampouco é de baixa reprovabilidade a conduta. Isso porque a subtração se deu em valores consideráveis, totalizando a quantia de R$ 3.800,00, não havendo que se falar, portanto, em irrelevante prejuízo para a vítima, a qual não passa de um idoso que sobrevive dos seus proventos de aposentadoria”, destacou Nata Figueredo.

A pena aplicada foi substituída por prestação de serviços à comunidade. Afonso ainda foi condenado a pagar o valor de cinco salários mínimos (hoje R$ 4.994) ao aposentado.

Blog do Naldo Silva

ComentáriosComentários