JPMotos
Mais de 4 Kg de maconha e crack apreendidos em Crato e Barbalha e cerca de R$ 12 mil
12 de março de 2019 às 10:05
58
Visualizações

Novas operações de combate ao tráfico de drogas na região do Cariri resultaram na apreensão de grande quantidade de substâncias entorpecentes, muito dinheiro e arma de fogo nos municípios de Crato e Barbalha. No primeiro, por volta das 14 horas de ontem as equipes RAIO 01 e 02 estiveram na Avenida JPB de Menezes (Parque Recreio) onde apreenderam 590 gramas de crack, uma prensa para triturar droga e R$ 12.125,00 em dinheiro.

Na última sexta-feira a polícia apreendeu nessa mesma área cerca de 25 Kg de maconha, 1 Kg de cocaína e aproximadamente 100 munições de fuzis. As desconfianças dos PMs e informações de que tinha mais drogas no local levaram os “raianos” a retornarem o que foi comprovado após uma completa “varredura” feita pela polícia no local, onde mora Edivan Gonçalves dos Santos, de 39 anos, que está preso

Já às 19 horas, na Rua L9 (Bairro Cirolandia) em Barbalha, a “Operação Quaresma” coordenada pelo Tenente Ramalho com o apoio da Força Tática resultou na prisão de Rafael Pinheiro Alves, de 28 anos. Após informações do Serviço de Inteligência, os PMs apreenderam na casa dele 3.126 kg de maconha e um revólver calibre 38 municiado. Ele já responde por crimes de tráfico de drogas, porte de arma, associação para o tráfico e receptação.

Antes, no início da tarde de sábado, a equipe RAIO 02 e inspetores de Polícia Civil de Crato saíram para averiguar uma denúncia de tráfico de drogas no chamado Campinho do Piquizeiro (Bairro Pinto Madeira) daquele município, quando acusados fugiram por um matagal. No local, os policiais encontraram 573 gramas de maconha que foram entregues na delegacia.

Pouco depois essa mesma equipe do RAIO esteve na Rua Fortaleza (Bairro Pantanal) em Crato, onde prendeu Francisco Bruno da Silva Agostinho, de 22 anos, após encontrar 99 gramas de maconha. Já no domingo, em Juazeiro, três pessoas foram presas com drogas e disseram que apenas usavam. Na Rua do Horto Mauricio P. Pereira estava com duas gramas de maconha, enquanto no João Cabral o jovem José Heitor de Almeida, de 19, e Welington F. de Almeida, de 20 anos, com dez papelotes de cocaína.

 

Com Parceria Site Miséria.com.br
Por Demontier Tenório

ComentáriosComentários