JPMotos
Polícia investiga clonagem de cartões de dezenas de aposentados em Icó
2 de dezembro de 2017 às 11:42

Um verdadeiro golpe contra aposentados ocorreu nas últimas horas em Icó. Pelo menos 31 aposentados tiveram seus cartões clonados. Os aposentados ao passar os cartões para sacar seu benefícios na Caixa Econômica Federal, tiveram uma surpresa desagradável. O dinheiro já havia sido sacado de forma misteriosa em outras agências.

A Caixa emitiu para cada uma das vítimas uma nota onda consta os horários, locais e cidades onde foram feitos os saques. Diante do constrangimento, os 31 aposentados fizeram um boletim de ocorrência na delegacia regional de polícia civil.

O delegado Erlon Leite Fernandes dos Reis, disse que irá oficiar as agências em que foram feitos saques para tentar obter as imagens e tentar identificar os estelionatários.

Um inquérito policial também deverá ser instaurado para investigar o golpe. Os saques foram feitos em Fortaleza, São Paulo, Tamboril e alguns na própria agência da Caixa de Icó.

O delegado Erlon Leite acredita que algum Chupa Cabra, tería sido instalado nos caixas, mas não foi encontrado.

A aposentada Francisca Honório Lima, de 58 anos, residente nas Populares do Senhor Batista de Icó, perdeu R$ 1.086, dinheiro sacado em São Paulo. Ela disse que nunca perdeu o cartão e muito menos conhece São Paulo. Já Luiz Cândido Veira, de 83 anos, da comunidade de NH-2, zona rural icoense, teve R$ 1.309 sacado também em São Paulo. A dona de casa Maria De Fátima Aureliano França, de 63 anos, do sítio Extrema, teve sacado R$ 1.128, em uma agência de Fortaleza. Na cidade de Tamboril, interior cearense, sacaram R$ 1.102 da aposentada Maria Alexandre Cavalcante, de 80 anos, do sítio Brito. Em um dos saques na agência de Icó, a vítima foi o aposentado José Freires de Araújo, de 68 anos, da comunidade de GH-1. De sua conta sumiu R$ 1.202.

Os criminosos clonaram cartões até de beneficiários do bolsa família. Para o delegado Erlon Leite Fernandes dos Reis, a quadrilha de fraudadores sería interestadual. Tudo está sendo investigado pela polícia. Todos os 31 boletins de ocorrência confeccionados serão analisados pela polícia para que daí em diante as investigações sejam aprofundadas, tanto pela polícia civil bem como a polícia federal.

Com informações do correspondente Richard Lopes

Por Agência Miséria
Com Parceria Site Miséria.com.br

180 total views, 3 views today

ComentáriosComentários