JPMotos
Polícia prende dois jovens e três menores acusados de roubos, tráfico de drogas e homicídios
11 de agosto de 2017 às 12:02

Um trabalho amplo de averiguações e monitoramento feitos por policiais militares resultou nas prisões de dois jovens e apreensões de três menores por volta das 15 horas desta quinta-feira em Juazeiro do Norte. Eles moram em diferentes bairros da cidade, mas se encontravam em uma casa alugada na Rua Manoel Amorim dos Santos, 1106 (Campo Alegre) que a polícia diz acreditar ser uma espécie de QG onde planejavam crimes e escondiam produtos e veículos roubados além de drogas e armas.

No imóvel, militares do Policiamento Ostensivo Geral (POG) e Força Tática de Apoio (FTA) recuperaram um Fiat Strada Working de cor prata e placas OCT-2216, inscrição de Juazeiro, roubado no bairro Pirajá; e uma moto Honda CG 150 Fan de cor vermelha e placa PNL-4250, inscrição de Missão Velha, a qual tinha sido roubada naquele município. Os policiais apreenderam ainda com o grupo um revólver calibre 32, uma espingarda artesanal calibre 12, uma faca e grampos para furar pneus de carros.

Grupo estava com revólver, espingarda, faca, grampos e, em foto no celular, um dos menores exibe arma (Foto: Reprodução/Redes sociais)

Foram apreendidos os menores de iniciais C. R. O da S e J. P da S., ambos de 17 anos, e residentes no bairro Pedrinhas; o adolescente P. J da S. F., de 16 anos, que mora na zona rural de Juazeiro. Já os jovens presos foram Mikael Santos Tavares, de 21 anos, residente na Rua Estelita Silva, 731 (Timbaúbas), e Josivaldo Pereira da Silva, de 20 anos, que mora na Rua Maria Luiza Bezerra, 178 (Aeroporto) em Juazeiro. Este confessou que tinha roubado os veículos.

Segundo a polícia, os cinco rapazes vinham respondendo pelo clima de terror criado nos bairros Aeroporto e Pedrinhas, bem como nas zonas rurais de Juazeiro, Missão Velha e Barbalha. Ainda de acordo com a polícia, são ações como assaltos a mão armada, furtos, tráfico de drogas e até homicídios. O vai e vem do grupo já vinha sendo monitorado por militares do Serviço de Inteligência a partir de denúncias anônimas recebidas. Existe uma informação não confirmada pela polícia de que estariam planejando assalto no Fórum de Aurora.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

ComentáriosComentários