JPMotos
Polícia registra primeiro homicídio do ano em Cedro/CE
22 de janeiro de 2018 às 21:40
304
Visualizações

Foi registrado na manhã de domingo (21/01), por volta das 10h, o primeiro homicídio do ano no município de Cedro/CE. Segundo informações da polícia militar, a unidade recebeu ligação via 190, informando que uma pessoa teria sido lesionada a bala no bairro Alto do Padeiro, mais precisamente na Rua Monsenhor Antônio Vieira Costa, e que a vítima já havia sido socorrida por populares até o hospital local.

No hospital, os policiais militares foram informados de que a vítima veio a óbito e se tratava da pessoa de João Vieira Neto (popularmente conhecido como NETO DO MIRANTE), 48 anos, natural de Cedro-CE.

Segundo informações repassadas pelo pai da vítima, a mesma estava sentada na frente de sua casa quando foi surpreendido por dois elementos em uma moto BROZ de cor preta, com detalhes brancos, sem placa, trajando calças jeans, jaquetas e luvas todas pretas, estando um dos elementos de capacete vermelho, e ambos efetuaram vários disparos de revólver em direção a vítima.

A morte foi confirmada pelo Serviço de Atendimento do hospital local. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), da cidade Iguatu.

O tenente Weligton e sargento Barros, falou para nossa reportagem que a polícia militar começou as investigações e chegou até dois principais suspeitos: O primeiro trata-se de Antônio Elton Cândido de Moura, vulgo “Doquinha”, residente no bairro Jardim Afonso Celso, o qual foi conduzido para a delegacia de polícia Civil de Icó, na noite de ontem, com uma moto Honda Broz de cor branca, sem placa, na qual constava queixa de roubo da cidade Baixio-CE. Já o segundo trata-se de um menor de idade, de inicial “D” também já encaminhando á delegacia local para prestar os devidos esclarecimentos.

Nessa oportunidade, a RÁDIO MONTEVIDEO AM, deixa toda sua solidariedade aos amigos e familiares de João Vieira Neto, que era muito querido por toda a população, bem como por nossa equipe.

 

Com informção / Artur Virgílio

ComentáriosComentários