JPMotos
Suspeito de envolvimento com o tráfico foi morto a tiros em Mauriti ao sair de um bar
6 de abril de 2018 às 14:51
71
Visualizações

Pouco mais de uma semana depois um novo homicídio foi registrado em Mauriti. Por volta das 22 horas José Wilson Paixão, de 40 anos, que era conhecido como “Dé Paixão”, foi executado a tiros na cabeça. Ele morava na Rua 02 do bairro Barrosão em Mauriti para onde seguiria após sair do Bar do Retorno, que funciona na Avenida Amelio Leite no bairro Bela Vista, onde estava em uma bebedeira com amigos.

A vítima não percebeu que estava sob tocaia e passou a ser alvejada a tiros quando caminhou alguns metros e já tinha montado em sua motocicleta. Ele tombou sem vida ao lado do veículo, enquanto os algozes fugiam numa moto Honda Fan de cor preta não sendo localizados nas diligências feitas pela patrulha comandada pelo Sargento Batista. “Dé Paixão” respondia procedimentos por resistência à prisão, desobediência, desacato e era investigado como suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas.

Este foi o primeiro homicídio do mês de de abril em Mauriti e o sexto de 2018 no município ou 46% em relação aos 13 assassinatos registrados no decorrer do ano passado. O último deste ano tinha acontecido na noite do dia 27 de março com o achado do cadáver de Francisco Risonildo dos Santos, de 40 anos, que residia no Sítio Catanduva, e foi morto a pauladas. O crime ocorreu no Sítio Mandassaia e a vítima tinha passado o dia ingerindo bebidas alcoólicas com uma pessoa que fugiu.

 

Com Parceria Site Miséria.com.br
Por Demontier Tenório

ComentáriosComentários