JPMotos
Violência na Região Metropolitana: Cabeleireiro e motorista de aplicativo são assassinados
9 de abril de 2019 às 10:21
58
Visualizações

Uber 50 Uber 30

Paulo Roberto, motorista: morto em Maracanaú.  Robério, cabeleireiro: morto em Maranguape

Um motorista de aplicativo e um cabeleireiro foram assassinados na noite desta segunda-feira (8) na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Os crimes de morte ocorreram no intervalo de apenas duas horas, nas cidades de Maracanaú e Maranguape, respectivamente. A violência armada na Zona Metropolitana já deixou 18 mortos somente na primeira semana de abril.

Era por volta de 18 horas quando dois homens armados invadiram um salão de beleza localizado na Avenida Senador Almir Pinto, na comunidade Vila São Pedro, no bairro Outra Banda, em Maranguape, e mataram, a tiros, o barbeiro e cabeleireiro Robério Oliveira da Silva, 36 anos, conhecido por “Berim”. Na fuga, os criminosos deixaram no local uma bicicleta e fugiram noutra.

Segundo as primeiras investigações da Polícia, a vítima estaria ligada a uma facção criminosa e tentava sair dela, mas acabou sendo eliminada. Este foi o quarto homicídio em Maranguape em apenas três dias.

Outro crime

Já por volta de 20 horas, um motorista de aplicativo foi perseguido e morto, a tiros, no bairro Colônia Antônio Justa, em Maracanaú. Segundo a Polícia, Paulo Roberto da Silva Sousa, 44 anos, dirigia seu veículo e foi baleado. Perdeu o controle do carro e este se chocou num muro, ocasião em que recebeu mais tiros e morreu no local. Os assassinos fugiram.

De acordo com as informações preliminares colhidas pela Polícia, o motorista respondia por um crime de assassinato ocorrido há sete anos, o que pode ter gerado uma vingança.

Interior

Na cidade do Crato, na Região do Cariri (a 540Km de Fortaleza), um homem identificado como Augusto Batista dos Santos, 47 anos, foi morto a golpes de faca no bairro Seminário. O crime ocorreu durante uma discussão. O autor do crime, identificado como Jackson Agostinho Alves da Silva, foi preso em flagrante delito.

No fim de semana, 18 pessoas foram assassinadas no Ceará, sendo 10 crimes na Região Metropolitana de Fortaleza, seis no Interior e duas na Capital.

Com Informações Fernando Ribeiro

ComentáriosComentários