JPMotos
Zé do Valério sobrevivia à base de peixe cru e água de rio enquanto estava foragido
13 de julho de 2019 às 08:11
153
Visualizações

José Pereira da Costa, o “Zé do Valério”, que estava foragido há quase 3 meses acusado de assassinar a jovem Daniele de Oliveira Silva, foi encontrado e preso na cidade de Buriti dos Montes, no Piauí, na manhã desta sexta-feira, 12. A captura foi possível após a participação de moradores com denúncias, que permitiu que a Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) produzisse um retrato falado e encontrasse o criminoso.

Enquanto foragido ele se sobrevivia à base de peixe cru e água de rio. De acordo com informações em coletiva da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Zé do Valério conhecia a geografia do local e não saía das proximidades desse rio, ficando em grutas nos arredores, onde se escondia durante o dia. O difícil acesso ao local, que conta com penhascos, burlava a ação de vigilância da polícia.

“Foi uma questão de honra para a Polícia Militar prender esse indivíduo”, declarou André Costa, titular da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) em coletiva. O secretário ainda desmentiu que a captura teria sido feita por um agricultor, classificando a história como “fantasiosa”. “Nessa área de segurança pública não tem heróis, não tem estrela, não tem ninguém de destaque. Do secretário ao soldado mais moderno, todos são importantes. Todos tiveram contribuição fundamental”.

Fonte: O Povo

ComentáriosComentários