JPMotos
Seu pastor mentiu, sexo antes do casamento não é pecado
25 de março de 2017 às 11:05

Assunto polêmico e inquestionável dentro das igrejas cristãs, o #sexo antes do casamento tem sido pregado como pecado constantemente em templos católicos e ainda com mais ênfase em igrejas evangélicas.

A grande realidade é que necessitamos de algum tempo para entender e aceitar sobre o assunto. Acostumamos com regras até mesmo para chegarmos a um patamar aceitável de convívio em sociedade e mais ainda dentro da comunidade cristã.

Para começarmos entender onde e quando o sexo antes do #Casamento foi “demonizado” precisamos recorrer à luz das Sagradas Escrituras onde diz:, “Isaque levou Rebeca para a tenda onde sua mãe Sara havia morado; fez dela suaesposa, e muito a amou”, (Gênesis 24:67)

O texto se refere à paixão de Isaque, filho de Abraão, pela jovem Rebeca e sua atitude em “tomá-la” por esposa, uma vez que Isaque leva a jovem para tenda de sua mãe Sarah e consuma (tem relação sexual) o casamento com ela. Sim, o casamento de Isaque começou quando ele transou com Rebeca.

Porém, é muito importante lembrar que naquela época não existia o casamento “institucionalizado” por cartórios e “abençoado” como matrimônio como conhecemos nos dias de hoje.

 Por que, então, as igrejas usariam os termos “fornicação” ou “prostituição” para condenar a prática do sexo fora do casamento? Quando na Bíblia se é usado o termo “πορνεία” que traduzem erroneamente como “fornicação”, se referem sempre ao hebraico “זנות” citado na Torah, o que em alguns casos refere-se à prostituição cultual, em outros a quebra do dote quando a moça.

Talvez pastores, por aprenderem assim, querem nos empurrar goela abaixo que o termo grego “πορνεία” ou o hebraico “זנות” se trata de sexo antes do casamento na Torah. Entretanto, nunca teve esse sentido, prova disso está em Êxodo 22:16 – 17 e Deuteronômio 22:28 – 29. Não é estranho que se impõe que o homem pague o dote das virgens, quando não acontece nada a mulher?

O texto ou outros deveriam ainda mencionar algum castigo espiritual para ambos, mas nem o Velho, nem Novo Testamento se referem a nenhum castigo especifico sobre o assunto.

Não é de hoje em que vemos as Igrejas pregarem que não estão mais vivendo sobre o julgo, pois estão em uma “nova aliança”. Porém, o que podemos notar constantemente são o uso das antigas escrituras do Velho Testamento apenas quando lhes convém, como na questão do dízimo em Ml 3:10, por exemplo.

Em resumo, podemos afirmar que o sexo antes do casamento não é pecado, pois o sexo é o próprio casamento como sabemos desde a criação do homem e da mulher. Portanto, deixará o homem a seu pai e a sua mãe e unir-se-á a sua mulher, e serão uma só carne”. Gn 2:24.

Não existe templo santo, ou qualquer cerimônia capaz de tornar um casal mais casado que o matrimônio instituído por Deus. No entanto, não podemos negar que sair se “casando” por aí pode trazer diversas complicações não só do ponto de vista espiritual, mas físico, e moral. Agora, se você vive com uma mulher, por decisão de ambos, mas não oficializou ou realizou cerimônia, não declarou publicamente, fique tranquilo! Isso não significa estar em pecado com pregam por aí. #Religião

Blastingnews

202 total views, 2 views today

ComentáriosComentários