JPMotos
EUA: Atirador de igreja no Texas se matou, afirma polícia
7 de novembro de 2017 às 13:31
20
Visualizações

Um veterano da Força Aérea norte-americana, que matou ao menos 26 pessoas em uma igreja no Texas durante as reuniões dominicais, se matou após uma troca de tiros com moradores, disse o chefe de polícia do distrito de Wilson, Joe Tackitt, nesta segunda-feira.

O agressor, que havia sido expulso da Força Aérea por agredir sua mulher e filho, deixou outros 20 feridos durante o massacre na Primeira Igreja Batista na pequena cidade de Sutherland Springs.

Depois que o agressor, vestido de preto e atirando com uma metralhadora, deixou a igreja, dois moradores locais armados o perseguiram em veículos.

A perseguição terminou quando o agressor bateu seu carro e então atirou contra si mesmo, disse o chefe de polícia do distrito de Wilson, Joe Tackitt, à emissora CBS News em entrevista na manhã desta segunda-feira.

“Nesse momento nós acreditamos que ele tinha um ferimento de tiro auto-infligido”, disse Tackitt.

O suspeito foi identificado como Devin Patrick Kelley, de 26 anos, segundo relatos de diversas publicações citando autoridades.

O governador do Texas, Greg Abbott, disse à CBS News que o ataque contra a igreja em Sutherland Springs, uma comunidade de menos de 400 moradores, localizada cerca de 65 km ao leste de San Antonio, não parecia ter sido um “ato aleatório”.

Terra

ComentáriosComentários