JPMotos
Jovem que foi arremessada em brinquedo precisou retirar um rim, diz mãe
27 de agosto de 2018 às 14:16
55
Visualizações

estudante Isabela do Amaral Vieira, de 16 anos, foi submetida a uma cirurgia para retirada de um rim após se ferir ao ser arremessada de um brinquedo, em um parque de diversões em Ceres, na região central de Goiás.

A mãe da paciente, a dona de casa Maria Aparecida de Amaral Vieira, 46 anos, contou ao G1 que a filha está inconsciente e em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Urgências de Anápolis (Huana), a 55 km de Goiânia.

“O médico disse que ela teve hemorragia em um rim e precisou retirar. Além de ter caído, o brinquedo prensou ela no chão e amassou o rim dela. Estamos muito angustiados, mas sabendo que Deus vai abençoar”, contou a mãe.

O acidente aconteceu na madrugada de domingo (26). Outra três adolescentes de 16 anos também caíram do brinquedo. Tatiele Carvalho Evangelista, que tem estado de saúde bom e não teve fraturas, Talia Aparecida Pires, que fraturou uma perna e levou uma pancada na coluna, e Mariane Oliveira Dias, que teve uma fratura no punho e outra no tornozelo.

Ainda de acordo com o G1, o brinquedo teria começado a aumentar a velocidade, as travas de segurança abriram e as meninas foram arremessadas. A direção do parque itinerante não foi encontrada para falar sobre o caso.

Em nota, a Prefeitura de Ceres afirmou que “foram adotadas as devidas providências cabíveis para a liberação do alvará de localização e funcionamento do referido parque, sendo que todos os órgãos de fiscalização estavam cientes da documentação apresentada”.

O acidente será investigado pelas equipes da Polícia Civil e da Polícia Técnico-Científica.

 

Noticiasaominuto

ComentáriosComentários