JPMotos
Vídeo mostra homem sob efeitos da nova droga zumbi minutos antes de morrer
20 de novembro de 2017 às 12:23

Uma nova droga está sendo comercializada no Chile, é pelo menos isso que garantem as autoridades locais. Chamada apenas droga “zumbi”, a nova substância ainda não teve os componentes identificados, mas sabe-se que já fez, ao menos, uma vítima. Na manhã deste domingo (19), um vídeo, que começa a circular pela internet, mostra um jovem completamente louco, apenas de cueca, andando sem qualquer noção por uma rua movimentada da capital Santiago. Momentos depois, o jovem, que ainda não foi identificado, foi levado para um hospital, onde seria seria declarado morto por causa do uso da droga que ainda é pouco conhecida.

A gravação perturbadora começa com o usuário da droga gritando, sendo retirado de um táxi, provavelmente por causa dos problemas que estava causando. Por alguns segundos, o jovem fica deitado no chão, apenas com as pernas no banco do veículo. O taxista tenta duas vezes fechar a porta, batendo com força nas pernas do rapaz, az, que não mostra qualquer sinal de dor.

Populares que estavam ao redor, começam a tentar a ajudar a guiar o jovem pela rua movimentada de Santiago, mas sem sucesso. Primeiro, sem mostrar qualquer noção, o usuário joga-se em cima de outro carro. O motorista sai do carro, joga o rapaz no chão e começa a dar chutes. Uma mulher interrompe as agressões para explicar o que estava acontecendo. O impressionante é que apanhando, o jovem dava os mesmos gritos que no início do vídeo, mas sem tentar defender-se ou ainda reagir.

As autoridades ainda relataram que o jovem tentou quebrar tudo que estava dentro do táxi, por isso havia sido retirado. Também foi revelado que a droga já foi vista no Brasil e há registros de jovens com os mesmos efeitos. Agora, a polícia chilena irá fazer análise das substâncias encontradas e tentará descobrir do que é feita a droga “zumbi”.

Nas redes sociais, internautas pediram que sempre ao sair, os jovens verifiquem o que estão tomando. Não se sabe se a vítima tomou a droga por escolha própria ou porque teria sido enganado.

Via New36

 

84 total views, 2 views today

ComentáriosComentários