JPMotos
Esporte do nordestino: Vaquejada deve voltar a ser autorizada no Ceará
5 de setembro de 2017 às 06:45

A realização de vaquejada deve voltar a ser liberada no Ceará. A informação é do presidente da Associação Cearense de Vaquejada (ACEVAQ), Alisson Câmara. Na manhã desta segunda-feira (4), em reunião na sede da secretaria de Agricultura, Pesca e Aquicultura do Ceará (SEAPA), ficou encaminhada a retomada das autorizações das vaquejadas cearenses pela Adagri (Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará).

Em entrevista a produção do site Miséria, Alisson Câmara afirmou que o processo está bem encaminhado. “O procurador da Adagri [advogado Gustavo de Alencar e Vicentino] deve dá o parecer e em uma semana as autorizações voltem a ocorrer”, disse.

De acordo com Alisson,  a situação também é de saúde pública já que sem a autorização da Adagri os exames de Mormo e anemia infecciosa equina diminuíram consideravelmente. “Entre os anos de 2013 a 2015 foram realizados mais de 100 mil exames. Com a paralisação, esse ano, foram pouco mais de sete mil”, ponderou o presidente da ACEVAQ lembrando que o mormo pode passar para o humano e que não tem cura.

Diante disso, a Adagri reconhece a importância da vaquejada na cadeia produtiva agropecuária e no sistema de controle sanitário do Estado e entendeu a necessidade de retomar as autorizações. “A emenda constitucional 96/2017, de autoria do senador Eunício Oliveira foi importante para o reconhecendo do órgão fiscalizador”, destacou Alisson.

Estiveram presentes na reunião, além de Alisson Câmara, o presidente da Câmara Setorial de Equídeos, Rodrigo de Freitas e o secretário – Euvaldo Bringel. Representando a Adagri, o presidente do órgão, doutor Jaime Junior; o diretor de Sanidade Animal, doutor Amorim Sobreira; o procurador, doutor Gustavo Vicentino, o supervisor para o Sertão Central, doutor Milton de Carvalho e demais integrantes da secretaria Agricultura, Pesca e Aquicultura do Ceará.

Por João Boaventura Neto
Com Parceria Site Miséria.com.br

71 total views, 1 views today

ComentáriosComentários