JPMotos
Operações policiais no Ceará prenderam 145 suspeitos em um mês
14 de outubro de 2017 às 12:16

As forças de segurança do Ceará prenderam 145 pessoas em uma série de operações realizadas em setembro em Fortaleza e em diversas cidades do interior do estado. Na maioria das operações, as ações contaram com dezenas de policiais – até 50, como na cidade de Tabuleiro, em 6 de setembro -, mandados de prisão e mandados de busca e apreensão.

Conforme relatório da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, a operação que resultou no maior de capturas foi realizada pela Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas, com prisão de 41 pessoas e mais apreensão de drogas.

Das 40 operações realizadas em setembro, houve apreensão de drogas em 11 delas, e um total de 29 armas de fogo foram apreendidas, conforme os dados da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social.

Combate ao crime

As ofensivas organizadas pelas forças de segurança do Ceará foram reforçadas principalmente neste ano, como forma de combate ao crime organizado. O poderio bélico de facções criminosas cresceu no Ceará nos últimos anos, resultando em conflitos sangrentos entre os grupos e nos maiores números de homicídios já registrados.

Em agosto, a delegada Adriana Arruda, diretora do Departamento Técnico-Operacional da Polícia Civil, havia informado que as operações são táticas para frear o avanço do tráfico de drogas e de armas e que elas dão um “prejuízo incalculável” aos criminosos.

“Agora, o prejuízo que nós damos é incalculável, na apreensão de drogas, de armas, dinheiro e daqueles ´soldados´ que muitas vezes fazem acordo de delação. Por mais que o grande traficante não seja preso, uma hora ele cai, porque um operação dessa dá muito poder. O preso vê que ele é um coitado, que não tem um bom advogado e acaba entregando o grande chefe. O ciclo acaba se fechando”, disse a delegada.

Fonte: G1 CE

128 total views, 1 views today

ComentáriosComentários