JPMotos
Acusado de matar um a golpe de punhal foi morto com 15 tiros esta noite em Crato
10 de outubro de 2017 às 09:45

O ex-presidiário Jean Carlos Freire Lima, de 22 anos, que residia na Rua Santa Luzia, 53 (Bairro Seminário) em Crato foi assassinado com cerca de 15 tiros por volta das 19 horas desta segunda-feira. Ele foi baleado quando passava na Rua 13 de Dezembro naquele bairro e ainda terminou socorrido por populares ao Hospital São Camilo, mas as tentativas de reanimá-lo não surtiram efeito. Policiais militares estiveram no local, porém não obtiveram informações sobre a autoria delitiva.

Jean respondia Ação Penal por difamação e ameaça tendo como vítima Naiana Ribeiro de Freitas e desacato contra PMs em novembro de 2013. Já no dia 4 de maio de 2014 ele tinha apenas 18 anos quando matou com um golpe de punhal Wellington Feliciano dos Santos, de 29 anos, no cruzamento das ruas Lavras da Mangabeira e Contorno Norte (Seminário). O mesmo foi preso no dia seguinte na Rua Nossa Senhora Aparecida e confessou o crime praticado após discutir com a vítima.

Este foi o quinto homicídio de outubro em Crato ou a mesma quantidade na comparação com o mês passado e já são 48 este ano no município. O último tinha ocorrido na noite de domingo quando uma pessoa apelidada por “Itinho” matou o seu próprio sogro com uma facada no peito. O assassinato do motorista José Filho da Silva, de 47 anos, que morava na Rua Dom Bosco, 148 (Bairro Gizélia Pinheiro), aconteceu perto de uma igreja evangélica na Rua Diógenes Frazão no bairro Seminário.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

 

180 total views, 2 views today

ComentáriosComentários