JPMotos
Comando da PM investiga suspeita de que militares teriam roubado carro e negociado em um site de vendas
21 de fevereiro de 2019 às 08:32
108
Visualizações

Comando QCG

A investigação está sendo acompanhada pelo Comando-Geral da Corporação e Controladoria 

O Comando-Geral da Polícia Militar do Ceará (PM-CE) e a Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos da Segurança Pública e do Sistema Penitenciário (CGD) abriram investigações simultâneas para apurar a denúncia de que policiais militares em serviço teriam roubado um carro e vendido através de um site de vendas. Na manhã desta quinta-feira (21), os PMs suspeitos estão sendo ouvidos em depoimento no quartel onde são destacados, na zona Sul de Fortaleza.

O suposto crime teria ocorrido por volta de 2 horas do último dia 8, quando uma patrulha do 17º BPM (Conjunto Ceará) teria abordado um adolescente que guiava um automóvel modelo Gol pela Avenida F do Conjunto Ceará. O rapaz teria sido ameaçado e os PMs levaram seu carro. Câmeras de uma panificadora teriam registrado a abordagem e as imagens já estão em poder dos investigadores.

Os militares teriam vendido o carro e o “novo dono” foi localizado e contou que havia comprado o automóvel através de um site de vendas, pelo valor de R$ 4 mil. O verdadeiro proprietário do automóvel prestou um Boletim de Ocorrência (B.O.) e a Polícia Civil localizou as imagens do momento em que a patrulha abordam o adolescente no Gol na Avenida F.

Na manhã desta quinta foram chamados ao Quartel do 17º BPM para prestar depoimento o proprietário do veículo, o homem que diz ter comprado o carro e o jovem que o dirigia quando foi abordado pelos militares. Os nomes dos PMs suspeitos estão sendo mantidos em sigilo.

Com Informação Fernando Ribeiro

ComentáriosComentários