JPMotos
Empresário endividado teria planejado sequestro de crianças por um mês; 5 foram presos
18 de outubro de 2016 às 13:03

image

O dono de dois frigoríficos em dívida com uma empresa fornecedora de carnes é apontado pela polícia como o mentor do sequestro dos dois estudantes, semana passada, em Fortaleza.

O articulador do crime queria um resgate para saldar o valor devido e ainda ficar com uma boa quantia de sobra e teria arquitetado o crime durante um mês.

> Crianças sequestradas em Fortaleza são resgatadas sem ferimentos

Mas o rápido trabalho da Divisão de Antissequestro estourou o cativeiro em São Gonçalo do Amarante e libertou o menino, de 5, e a menina, de 8 anos, sem pagamento de resgate e

cinco pessoas foram presas. O principal acusado e que, segundo a polícia, é o mandate do sequestro é Marcílio Mendonça Damasceno, de 26 anos.

De acordo com um dos delegados, Marcílio tinha uma dívida com a empresa em que o pai do menino é tesoureiro. Sem condições de pagar, Marcílio resolveu cometer o crime. “É uma quantia elevada; mais de R$ 100 mil. Não podendo pagar essa quantia, ele arquitetou esse sequestro em um mês. Ele queria sequestrar o tesoureiro do comércio que fornecia carne pra ele. Marcílio conhecia alguns criminosos da Barra do Ceará e contratou esse pessoal que faz o crime pra fazer a parte violenta da ação”, explicou Santos Pastor, delegado da Divisão de Antissequestro.

Segundo a polícia, Antônio Samuel Matheus Soares Evangelista, 21 anos, e Rafael Azevedo dos Santos, de 25, participaram da abordagem em frente ao colégio. Já Francisca Vitória Gomes, 20 anos, namorada de Matheus, e Roseane Vasconcelos Rego, de 24, namorada de Rafael, cuidavam da casa e da alimentação das crianças.

Todos foram presos no cativeiro. “Nós já tínhamos o conhecimento de que o cativeiro era na Taíba e conseguimos localizar o ponto exato e conseguimos resgatar as crianças sem pagamento de resgate. Conseguimos também dominar os indivíduos do cativeiro que portavam, cada um, um revólver de calibre 38 e as mulheres também foram dominadas e as crianças foram resgatadas sem nenhum tipo de arranhão”, disse o delegado.

Ainda de acordo com o delegado, elas foram encontradas em quarto bagunçado, com colchões no chão e a porta encostada, sem estar trancada. O sequestro aconteceu na manhã da última quinta-feira (13) quando um dos pais deixavam os estudantes em uma escola particular na Praia de Iracema. O pai de uma das crianças foi levado até o cativeiro onde conversou com um dos bandidos e foi exigida a quantia. Em seguida, ele foi vendado e algemado e liberado em uma rotatória localizada no município de Caucaia.

TV Diário

585 total views, 6 views today

ComentáriosComentários