JPMotos
Fim de semana com homicídios em Juazeiro e Crato e morte no trânsito em Altaneira
3 de setembro de 2018 às 12:21
68
Visualizações

Caiu de quatro para três o número de mortes violentas na comparação entre os dois últimos finais de semana na região do Cariri. Neste, foram dois homicídios e uma vítima fatal em consequência de acidente de trânsito com corpos de Altaneira, Juazeiro do Norte e Crato. Segundo levantamento feito pelo Site Miséria, duas mortes ocorreram no sábado e a outra neste domingo.

Às 14 horas de sábado, na estrada vicinal de acesso ao Sítio Serra do Valério em Altaneira, o agricultor Mauro Rodrigues Quirino, de 34 anos, o “Charmoso” que residia no Sítio Taboleiro naquele município, morreu num acidente. Ele pilotava sua moto Honda CG 125 Titan de cor azul e placa de Ouricuri (PE) quando sobrou numa curva e bateu na lateral de um veículo Saveiro, cujo motorista ainda tentou desviar e não deu. Ele acionou o socorro, a polícia, permaneceu no local e se apresentou na delegacia.

Já às 17h30min, numa estrada carroçável após o Loteamento Oásis (Betolândia) em Juazeiro, Antonio Carlos Alves Silva, de 35 anos, que residia em Minas Gerais, foi morto a tiros dentro do seu veículo Corolla. Ele veio à Juazeiro visitar sua mãe que mora no bairro Timbaúbas e, segundo a namorada E. C. S. M., de 16 anos, dois homens se aproximaram anunciando um assalto quando mandaram a mesma virar as costas após descer do carro e esta correu para um matagal. Ao retornar viu que ele estava morto dentro do carro e nada foi levado nem dele e muito menos do veículo.

Por volta das 17 horas deste domingo o adolescente Diogo Ferreira Araújo, de 17 anos, que residia na Rua Getúlio Vargas (Bairro Vila Alta) estava fazendo fotos na escadaria da Prefeitura de Crato com um colega quando foram baleados por dois homens numa moto. Lesionado com um tiro no peito, Diogo correu e tombou na Ladeira do Bar de Maradona morrendo na ambulância do SAMU. No Hospital São Camilo, já estava o menor de iniciais C. F. O. J., de 17, residente no Parque Recreio, que saiu baleado na coxa e disse à polícia que desconhecia os autores dos tiros.

Com Parceria Site Miséria.com.br
Por Demontier Tenório

ComentáriosComentários