JPMotos
Mais três mulheres assassinadas no Ceará durante o feridão, totalizando 130 vítimas em 2018
21 de março de 2018 às 06:05
87
Visualizações

Letycia Caucaia 1 Mulher morta na Caucaia feriado 2

Bandidos invadiram uma casa, em Caucaia, e mataram a adolescente Letícia Kelly com vários tiros

Subiu para 130 o número de mulheres assassinadas no Ceará em 2018. Durante o feriadão de São José, mais três assassinatos do gênero foram registrados no estado, elevando para 30 o número de mulheres mortas neste mês de março. Em janeiro foram 56 vítimas, e fevereiro outras 42.

Uma das vítimas era uma adolescente de apenas 14 anos de idade. Letícia Kelly de Sousa Silva foi assassinada dentro de sua casa, na presença de familiares, no bairro Curicaca, no Município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O crime aconteceu na noite de sábado passado (17), por volta de 2107, segundo registrados da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) e do 12º BPM (Caucaia).

Conforme colheu a Polícia, a casa da família da garota foi invadida por dois homens armados e encapuzados. Eles disseram que “só queriam” a garota, e que as demais pessoas saíssem dali. Em seguida, foram até o quarto onde Letícia estava e a mataram com vários tiros de pistola à queima-roupa, sem chance alguma de defesa. A garota morreu junto ao seu guarda-roupa, com um celular nas mãos. A dupla fugiu e não foi, ainda, encontrada. A Polícia suspeita de um “acerto de contas” de facções criminosas ou de traficantes de drogas do bairro.

Mais dois casos

Em Tauá, na Região dos Inhamuns (a 337Km de Fortaleza), bandidos invadiram um bar, no bairro Alto do brilhante, onde acontecia uma seresta na madrugada de sábado (17), e atiraram em, pelo menos, quatro pessoas. Uma delas era a dona de casa, Izabelli Lopes da Silva, 32 anos, que teve morte imediata. Os criminosos fugiram, mas cerca de uma hora depois trocaram tiros com policiais militares do Batalhão Raio (BPRaio) numa estrada na localizada de Arraial, na zona rural.

Os dois criminosos acabaram mortos no tiroteio com a Polícia Militar, sendo identificados como Rafael da Silva Furtado e Rafael Félix Pinheiro, ambos ex-presidiários. A motivação do ataque na seresta está sendo ainda investigada.

Em Aratuba, Município localizado na Região do Maciço de Baturité (a 122Km da Capital), uma mulher foi morta a golpes de faca. O crime ocorreu na noite de sexta-feira (17).

Com Informação Fernando Ribeiro

ComentáriosComentários