JPMotos
Mauriti-CE: Homem mata sua companheira e pratica o suicídio em Mauriti.
12 de abril de 2016 às 12:15

20160412082537_1635_capa (1)Um homem matou sua ex-companheira a golpes de faca na madrugada desta terça-feira no município de Mauriti e praticou o suicídio por meio de enforcamento. O crime aconteceu no bairro Verdes Vales onde o casal morava com dois filhos apesar da separação. Após esfaquear Juscivane dos Santos Praca, de 27 anos, o vendedor de pães Roberto da Costa Alves, de 41 anos, apanhou uma corda e se enforcou.

Quando um dos filhos acordou hoje cedo se deparou com a cena dantesca dentro de casa e comunicou o fato ao vizinho que foi no imóvel. Logo depois, se dirigiu ao Destacamento Militar de Mauriti e comunicou o fato à polícia que se deslocou até o bairro Verdes Vales por volta das 6 horas. Desde janeiro, Roberto respondia processo por execução de alimentos por conta de filhos, provavelmente de um relacionamento anterior.

Em Mauriti, um caso semelhante aconteceu quando do assassinato da última mulher naquele município. No dia 10 de outubro de 2013 Suéldia Claudino Oliveira, de 18 anos, foi morta com um tiro na cabeça na casa dos pais no Sitio Guigo (Distrito de Palestina). O autor foi seu ex-marido Alan de Oliveira Gomes, de 23 anos, que morava no Sitio Cipó naquele Distrito, de quem havia se separado e este fugiu. Três dias depois o corpo dele foi encontrado dentro de um cacimbão após ter praticado o suicídio.

Foi o primeiro homicídio do mês de abril em Mauriti e o quarto do ano naquele município. O último deles ocorreu no dia 6 de março quando Damião Dias de Sousa, de 29 anos, que residia na Vila São Francisco no Distrito de Umburana, quase foi degolado a golpes de facão. O acusado Cícero Ribeiro da Costa, de 23 anos, o ´Nim´, ali residente, foi preso 22 dois depois pela polícia de Mauriti.

IML – Outros dois corpos deram entrada nas últimas horas para serem necropsiados no Instituto Médico Legal (IML) de Juazeiro. A aposentada Maria do Socorro Gomes Ribeiro, de 66 anos, faleceu às 19 horas de segunda-feira no Hospital Regional do Cariri após sofrer uma queda no banheiro de sua casa na Rua São Vicente (Socorro) e fraturar o fêmur. O outro foi do agricultor Francisco Bezerra Pedrosa, de 27 anos, que praticou o suicídio por meio de enforcamento às 23 horas de ontem se utilizando de um fio em sua casa no Sítio Ouro Branco (Distrito de Amaniutuba) em Lavras da Mangabeira.

Com Parceria: Miséria

228 total views, 2 views today

ComentáriosComentários