JPMotos
Mistério na morte de um agricultor encontrado em estrada carroçável de Salitre
26 de junho de 2017 às 11:07

Somente o resultado do exame cadavérico a ser feito nesta segunda-feira na Perícia Forense de Juazeiro do Norte vai apontar a causa da morte do agricultor Antonio Jordão Gonçalves, de 34 anos, que residia no Sítio Serra dos Jacintos na zona rural de Salitre. O corpo dele foi encontrado por populares às 07h30min deste domingo às margens da estrada vicinal de acesso à localidade onde a vítima morava a uma distância de 7 Km para o centro da cidade.

A princípio a informação de um atropelamento quando o Cabo Herbert e os Soldados Melo e José Matos, do Destacamento Militar de Salitre, estiveram no local. Foi possível notar um quadro como se a vítima tivesse sido pressionada na região do abdômen por algo pesado a exemplo de um carro chegando a expor as vísceras. Os PMs fizeram buscas nas imediações encontrando dois pedaços de pau com semelhanças de terem sido usados numa fogueira, porém sujos de sangue.

Os policiais e o pessoal do rabecão notaram igualmente que apresentava algo parecido com pancadas no lado esquerdo da face e supostas fraturas nas costelas. Uma mulher identificada como Francineide Expedita do Nascimento disse que a vítima estivera em uma bebedeira com ela e outras pessoas no Bar de Zé da Onça que funciona na localidade de onde saiu por volta de 01h30min sozinho pela estrada carroçável na direção da casa de “Seu Toinho” com quem residia e trabalhava na lavoura.

Ninguém soube informar se Jordão tinha inimizades ou se teria discutido com alguém durante a bebedeira. Sabe-se apenas que, há cinco anos, ele era separado da mulher com quem teve três filhos e moram noutro sítio. Além do corpo, o pessoal do Instituto Médico Legal (IML) trouxe à Juazeiro os pedaços de paus sujos de sangue encontrados no local para serem submetidos a perícia.

Por Demontier Tenório
Com Parceria Site Miséria.com.br

275 total views, 1 views today

ComentáriosComentários