JPMotos
Preso bandido juvenil que matava e aterrorizava moradores da comunidade Goiabeiras, na Barra do Ceará
26 de junho de 2018 às 06:51
68
Visualizações

Sansão 1 Sansão 2

Apontado como autor de vários assassinatos, “Sansão” foi preso na última sexta-feira

Com apenas 18 anos de idade, um bandido já é dono de uma longa ficha criminal e possui a fama de matar. É temido na Comunidade Goiabeiras, na zona Oeste de Fortaleza, mas agora está preso. Pesa sobre ele a acusação de ter assassinado, pelo menos, 10 pessoas naquele bairro, a maioria adolescentes e jovens, baleados e executados sumariamente com tiros de pistola.

Antônio Felipe Faustino de Sousa, o “Sansão”, foi preso numa operação conjunta da Polícia Militar e da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), na noite da última sexta-feira (22), após mais um crime, quando atirou contra quatro pessoas no cruzamento da Rua dos Holandeses com Travessa Morro Branco.

A ação rápida das patrulhas que faziam o policiamento na Área Integrada de Segurança Oito (AIS-8) e do Perímetro da Torre de Segurança do Programa Municipal de Proteção Urbana (PMPU), nas Goiabeiras, resultou na captura do bandido. Ele foi detido logo após abandonar um veículo roubado usado na tentativa de chacina. As quatro pessoas feridas foram levadas para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pirambu (Avenida Leste-Oeste) e transferidas, em seguida, para o IJF-Centro. Três delas já receberam alta médica e outra permanece hospitalizada.

Matador

“Sansão” é acusado de vários assassinatos na Barra do Ceará e de praticar tiroteios nas ruas e becos das Goiabeiras, deixando mortos e feridos. Recentemente, completou a maioridade e agora deve seguir para a cadeia. A maioria dos seus crimes foi praticada quando ainda era menor.

Um dos assassinatos ocorreu quando o criminoso praticava mais um tiroteio nas ruas das Goiabeiras. Um dos disparos atingiu mortalmente um garoto que portava Síndrome de Down. O adolescente estava na porta de casa quando “Sansão” e seus comparsas apareceram na rua, atirando contra um grupo de jovens. Baleado, o menino morreu na sala de casa, nos braços do pai.

Outro garoto foi perseguido pelo bandido e tentou se salvar entrando em um mercadinho na Rua dos Abolicionistas, mas foi perseguido e executado com vários tiros dentro do estabelecimento.

Com Informação Fernando Ribeiro

ComentáriosComentários